sexta-feira, 24 de janeiro de 2014

Especial: Daniel Mastral

Daniel Mastral: de Filho do Fogo a Filho da Luz!

O Satanismo é realidade. Existem pessoas como você e eu, de carne e osso, que adoram ao diabo. Muitos em nosso meio sofrem influências demoníacas mesmo sem o saber. Mas adorar ao príncipe das Trevas, pactuar com ele, receber poderes do inferno - isso é reservado a um grupo. Um grupo organizado, unido, forte. Um grupo de milhares de pessoas que dominam a Alta Magia e através dela englobam a sociedade preparando-a para a vinda de seu messias: o Anticristo.
Eduardo Daniel Mastral foi um deles. Ele foi escolhido desde o seu nascimento por Satanás. Toda sua infância foi acompanhada por situações que o levaram a entregar-se de corpo e alma à Irmandade Mundial Satânica da mais alta hierarquia, com sede em São Francisco, nos Estados Unidos. A irmandade representa Satanás aqui na Terra e tem núcleos espalhados por todos os lugares. São pessoas escolhidas por demônios, um verdadeiro exército humano recrutado pelo próprio Lucifer, que tem como principal objetivo a difusão do Satanismo em todos os setores da sociedade. São pessoas preparadas, que têm acesso e são colaboradores dos mais poderosos Príncipes Infernais; que através de ritos e sacrifícios mergulham no próprio domínio do Inferno.
Em seu livro - "Filho do Fogo" - Daniel Mastral conta como Satanás está em guerra contra a igreja do Senhor Jesus, investindo contra os cristãos despreparados através da infiltração de seus seguidores nas próprias igrejas. No livro, além das revelações surpreendentes que narram as armadilhas de Satanás para tentar dominar o mundo e as pessoas, vemos também a realidade dos demônios que se materializam e ensinam seus seguidores a fazerem viagens extracorpóreas - Daniel Mastral, por exemplo, já tinha atingido o nível de feiticeiro. Ele conseguia se deslocar do corpo e entrar em gatos. Com o olhar podia jogar feitiços poderosos que matariam pessoas. Até que ele se deparou com um pastor "cheio do Espírito Santo"...
Hoje Daniel é um missionário de Jesus na Terra, foi resgatado da escuridão. Apesar das ameaças de morte (um dos motivos pelos quais não publicamos sua foto junto à essa entrevista, como de costume), dos atentados que já sofreu, das perseguições a nível físico e espiritual, está vivo para testemunhar o poder grandioso de Jesus que está acima de tudo, tanto na Terra como em todo o Universo!
Nesta entrevista você vai saber um pouco mais da vida desse homem, que de Filho do Fogo (nomeação usual na Irmandade), passou a Filho da Luz!

BF: Como começou o seu envolvimento com o Satanismo e quanto tempo durou? Até que ponto você chegou?
Daniel Mastral: Eu estava a procura de algo que ocupasse o vazio que sentia. Não era nada consciente, mas minha alma tinha um buraco por dentro. Andei em tudo que foi seita... budismo, Espiritismo, mórmons e até na Igreja protestante. Eu não me senti acolhido em nenhum lugar. Especialmente na Igreja evangélica a decepção foi muito forte, eu olhava para as pessoas e não as via praticando aquilo que pregavam. Mas era um traço meu ser também muito curioso com tudo que dizia respeito ao Ocultismo. Certa vez, li numa biblioteca um artigo sobre a "Church Satan" e senti curiosidade em saber do que se tratava. Na tentativa de arrumar mais informações, passei a trocar correspondências com uma das bases dessa igreja nos Estados Unidos. Hoje sei que nada daquilo aconteceu por acaso. Eles já estavam de olho em mim, influenciando a minha vida e as circunstâncias para que eu realmente tomasse aquele caminho. As correspondências duraram alguns meses, até que fui procurado por um membro da Irmandade aqui no Brasil. Mais um tempo se passou, e eu fui treinado aos poucos por eles para que minha mente fosse cauterizada o suficiente a ponto de aceitar que o diabo era bom, e Deus, muito injusto. Então fui convidado a de fato fazer parte da Organização Satânica. Permaneci por seis anos na Irmandade e cheguei ao nível de feiticeiro. É grau elevado. Não haveria como falar destes seis anos, porque os Satanistas vivem a sua "crença" de uma forma muito, muito intensa. O cerne das suas vidas é o seu compromisso com Lucifer. Por isso vocês podem compreender que, em duas palavras, este tempo foi vivido fortemente. Aprendi como é fazer parte da família que cultua ao príncipe das trevas. Foi algo de muito peso, mas graças a Deus fui alcançado por Jesus!

BF: Ao seu ver, quais são as estratégias que eles têm para ganhar adeptos?
Daniel Mastral: Na verdade aqueles recrutados para efetivamente fazer parte da Irmandade são a minoria. A Irmandade é um grupo muito seleto da alta cúpula estratégica do Satanismo. Vou tentar explicar melhor usando um exemplo. Façamos uma analogia com uma empresa familiar: o pai é o presidente (diabo); e os mais altos cargos da diretoria são dados aos seus filhos (os filhos do fogo, os verdadeiros filhos do diabo). Todos os outros funcionários desta empresa, ainda que sirvam ao dono, não tem os privilégios que os filhos têm. Compreende? Essa "diretoria" composta pelos filhos do diabo, é aquilo que chamamos de Irmandade. É o topo da pirâmide. Para recrutar aqueles que Lucifer pretende chamar de filhos os métodos são vários, mas sempre há uma indicação dos próprios demônios neste sentido. Isto é, os demônios sinalizam claramente aqueles que lhes interessam. Então estas pessoas são abordadas e trazidas para dentro da Irmandade. No entanto, como já disse antes, estes são a minoria.
O objetivo principal da Irmandade é preparar o mundo para o recebimento do Anticristo. É muita complexa a sua forma de atuação na sociedade, mas, em suma, o Satanismo tem trabalhado ao longo dos séculos para preparar a mente das pessoas. É necessário que enfraqueçam a Verdade de Deus para que possam fazer prevalecer a sua verdade. Isso não se consegue do dia para a noite, é necessário estender-se uma verdadeira "rede invisível" sobre a Sociedade, em todos os seus níveis, para que a influência global seja completa. A intenção é que todos os setores conhecidos do nosso mundo sejam permeados e, com isso, haja poder de influência. E quando digo todos os setores da Sociedade, estou querendo dizer todos mesmo! Educação, Política, saúde, Segurança, Mídia, Entretenimentos, etc..etc..etc...! Não quero aqui passar uma visão pessimista, mas a própria Bíblia afirma que "este mundo jaz do maligno"... Podem ter certeza de que há milhares de pessoas envolvidas com os mais altos poderes infernais - principados e potestades - labutando dia e noite para que seja assim mesmo.

BF: Que tipo de coisa dentro da Irmandade você poderia descrever como práticas diabólicas?
Daniel Mastral: Tudo dentro da Irmandade é diabólico! Tudo, absolutamente tudo, porque eles estão de fato aptos a oferecer ao diabo o culto que lhe é agradável. A revelação veio para eles da mesma forma que para nós veio a revelação Bíblica. Entenda melhor: sabemos como cultuar a Deus de forma agradável porque nos foi dada a revelação do Alto. Com os verdadeiros filhos do diabo acontece o mesmo: os próprios anjos caídos trouxeram as revelações do inferno. E naturalmente, tudo o que agrada a Lucifer... é terrível! Não quero realmente estender-me, mesmo porque todos os detalhes que nos foram permitidos abordar estão descritos em meu livro. Mas ouso salientar o seguinte: é tempo de esquecermos as práticas tão corriqueiras da Umbanda, Quimbanda e Candomblé e que fazem parte da nossa cultura brasileira. O sangue agradável ao diabo não é o sangue de animais. É o sangue humano. Esta é a "oferenda" aceita. A moeda espiritual. O preço exigido para que qualquer coisa aconteça ali dentro. Nada que não esteja debaixo desta aliança de sangue tem valor, nem compra nada ao diabo! Com relação ao dinheiro: a Bíblia também afirma que o diabo "é o príncipe deste mundo". Saiba que o príncipe deste mundo tem muito dinheiro. As pessoas que fazem parte da Irmandade têm altíssimo poder aquisitivo. Mesmo que não o tivessem antes, uma vez consagrados e feitos filhos do fogo, o dinheiro vem como a noite após o dia. Não cai do céu... mas uma Organização como esta, internacional, sabe como fazer alguém sair do nada e tornar-se um grande empresário, por exemplo. Tudo é orientado pelos demônios: que tipo de negócio abrir, como abrir, aonde abrir... a própria Irmandade entra com advogados, banqueiros, marketing... não existe possibilidade de não enriquecer. Por exemplo, digamos que alguém recebeu uma orientação das Entidades para a abertura de uma grife. Entenda que nada é "apenas por ser". Lucifer quer que seus filhos aproveitem tudo deste mundo e desta vida, sem qualquer restrição... pelo menos é assim que nos é dito, e o dinheiro é um fator muito importante para que assim aconteça, certo? Mas a grife não é apenas para que a pessoa enriqueça, ela deve ser um facilitador da influência satânica no mundo.

BF: Como foi sua conversão ao Cristianismo?
Daniel Mastral: Sempre que atacávamos uma igreja ela "esfriava", ficava inoperante. Existe toda uma estratégia para infiltrar e destruir Igrejas. Os encantamentos feitos contra os líderes sempre funcionavam. Vi muitos largando seus ministérios, outros ficando completamente doentes, outros ficando completamente loucos, outros até morrendo. Mas, um dia... um homem não caiu! Os encantamentos mais poderosos não derrubaram aquele pastor. Comecei a entrar em parafuso à medida que aumentava a ofensiva demoníaca contra ele. Parecia haver "algo" muito forte, muito grande, muito tremendo protegendo-o. Fui ver de perto. Foi uma coisa espantosa. Cai no chão... perdi a consciência. Aquele homem apenas pronunciava o nome de Jesus e eu sentia meu corpo queimar, eu parecia quase morrer de pavor de compaixão dele. Coisas até então absolutamente incompreensíveis para mim. O que haveria naquele nome... Jesus??? A verdade é que aquele homem conhecia a Deus não apenas de ouvir falar! Diferentemente dos demais, cujo Cristianismo era falho, fraco, intelectual, de fachada, aquele pastor tinha comunhão com o Criador! Que diferença faz a santidade de uma pessoa!...E naquele dia minha vida mudou, conheci um Deus de força, de Poder e Glória que mudou minha existência por completo.

BF: Que tipo de lutas você enfrentou por "quebrar" seu compromisso com a Irmandade?
Daniel Mastral: Ninguém pode sair de lá... Desde o início sabemos que é um "caminho sem volta". O preço da desobediência é a morte! Seria pouco este espaço para contar o que passei. Mas, na época que saí de lá perdi tudo o que tinha e que me havia sido dado pelo diabo. A única coisa que me restou foi a saúde. No entanto a ameaça de morte ainda paira sobre a minha vida e sobre a vida da minha esposa. Sofremos muitas ameaças, nosso dinheiro foi roubado (de forma sobrenatural), animais de estimação morreram, perdemos nossos empregos, sofremos todo tipo de retaliações. Mas Deus tem estado ao nosso lado e o que acontece, acontece debaixo da Sua própria permissão. Para que sejamos treinados a adestrados a fim de desempenhar bem o plano que Ele tem para nós. O Senhor dos Exércitos tem pelejado muito, e protegido nossas vidas. É graças a esse cuidadoso amor de Deus que eu e minha esposa estamos vivos e caminhando segundo Seus propósitos. Temos sido presenteados ao entrar em contato com os anjos de Deus. Realmente podemos dizer que até nas tribulações estamos contentes, porque através delas temos aprendido a conhecer o nosso Deus!

BF: Qual tem sido a reação dos crentes em geral com relação ao seu testemunho?
Daniel Mastral: No coletivo, nas Igrejas onde fazemos os seminários, é uma bênção, Deus sempre nos surpreende. Muitos são curados na alma; há libertações, conversões, etc. é uma festa santa, onde Jesus Cristo opera com liberdade e glória! Levamos a igreja a conhecer as estratégias do inimigo, ainda que o enfoque maior esteja nas estratégias de Deus para combatermos o bom combate - pois a Igreja perece por falta de conhecimento (Oséias 4:6).
Mas, no aspecto individual do dia a dia ainda acontece de uma parte sentir-se atemorizada e afastar-se de nós... Temos poucos amigos. É mais ou menos como acontecia no tempo de Davi e Golias: o exército ficou na beira do vale, empunhando seus escudos, suas espadas, ostentando suas patentes e títulos. Só um desceu ao vale para enfrentar o gigante. Mas também com isso temos aprendido muito. Deus não precisa de quantidade, ele quer qualidade! Deus está recrutando e treinando um exército que, como o de Gideão, não precisa contar com milhares de milhares. Uns poucos podem guerrear, porque a guerra pertence ao Senhor! De fato são poucos os que estão realmente ao nosso lado, descendo ao vale e comprando a briga com os grandes príncipes do inferno. A Neuza Itioka, o pastor Jesher, o pastor Ubirajara Crespo, a pastora Sarah e alguns intercessores. Eles têm sido os valentes que Deus colocou ao nosso lado! Louvamos a Deus por estes preciosos vasos de honra! Tem sido muito bom poder andar lado a lado com estas pessoas valentes, santificadas, cheias de amor de Deus, que conhecem a Palavra e o significado da verdadeira vida de comunhão com o Senhor! Poucos têm a coragem de Davi, de não olhar para o tamanho do gigante, mas confiar no TAMANHO de Deus! Temos sido profundamente tocados para recrutar guerreiros como Davi. Como já disse, nosso Pai está formando um exército poderoso para o confronto dos últimos dias! Porque a guerra está aumentando à medida que o tempo do diabo se esgota e aproxima-se o momento em que Cristo virá buscar sua Noiva. É tempo de lutas como nunca antes na história da igreja. A Batalha Final será um confronto sem precedentes!

BF: Daniel, como é sua vida hoje?
Daniel Mastral: Hoje damos seminários sobre Batalha Espiritual em Igrejas, denunciamos o engano sem, contudo, promovê-lo. Ressaltamos acima de tudo o Poder de Deus e compartilhamos com a Igreja o que aprendemos nestes anos de lutas, onde experimentamos as estratégias do Pai e Seu Poder soberano. Além das palestras (que são respaldadas por farto material - transparências, apostilas, filmes, etc.), estamos escrevendo e temos outros projetos de mais livros, como talvez um livro de Batalha Espiritual para crianças, onde vamos enfocar princípios Bíblicos como obediência ao pais, não mentir, louvar a Deus, etc. De maneira fácil e divertida. É claro que só estamos hoje no ministério por um chamado claro de Deus. No início tivemos medo, mas demos um passo de fé, largamos tudo, emprego, profissão, etc. (Isabela é médica e hoje serve a Deus em tempo integral). Passamos por um deserto de quase dois anos, onde nossa fé foi provada, até vir o lançamento do livro "Filho do Fogo". As lutas, claro, continuam.

BF: A história do livro se passou há alguns anos, portanto, o que eles disseram que iria acontecer a partir do final do terceiro ciclo, 1998... Você acha que aconteceu o que eles previam?
Daniel Mastral: Sim, até o momento eles se mantém no cronograma pré estabelecido, com pessoas assumindo posições em lugares estratégicos, etc.

BF: Mesmo Marlom, que parecia gostar de você como um filho, voltou a te ligar? E depois que lançou o livro, alguém da irmandade voltou a te ameaçar novamente?
Daniel Mastral: Várias vezes Marlom me procurou tentando persuadir-me a voltar, oferecendo dinheiro (que não aceitei, claro!). Mudou a estratégia depois, tentando pelo lado emocional, e por fim, com claras ameaças. Com relação à Irmandade, não apenas ameaçam, mas já recebemos diversos atentados, e se não fosse a mão de Deus para nos proteger, já teríamos perecido...

BF: Como surgiu a idéia de lançar este livro?
Daniel Mastral: Não nasceu em meu coração, mas no coração de Deus. Apenas obedecemos. Tive uma experiência tremenda com Deus! Fui visitado por um anjo! Pedi isso por anos, pois só havia visto demônios. Mas, a idéia que eu tinha de um anjo era de cunho Barroco; gordinho, cabelos encaracolados, cara de menino, azinhas... O que eu vi, não tinha nada disso! Era forte, um guerreiro! Não tinha asas, e falou comigo, dando claramente a ordem de publicar o livro, e uma unção especial para enfrentar o que viria depois. Foi algo singular, que narraremos com mais detalhes em nosso próximo livro. Não quero estragar a história!

BF: Como tem sido a repercussão do "Filho do Fogo" em outros lugares?
Daniel Mastral: Os resultados do livro são espantosos, recebo muitos e-mails, e a grande maioria é unânime em afirmar que foram transformados por Deus através da leitura, assumindo um novo compromisso com a Palavra! Todos têm sido ricamente abençoados. Recebo cada história linda, cada testemunho... de fato o livro tem sido um instrumento para alertar a igreja e despertá-la para um compromisso maior com Deus! Publiquei meu e-mail no livro justamente na intenção de medir os resultados da semente de Deus no coração da Igreja. E surpreendentemente, hoje eu recebo mais de 100 e-mails por dia, e as respostas têm superado as minhas expectativas. Isso é muito bom pois me faz ver que de fato este era o propósito de Deus e o caminho certo a seguir!

BF: Você ainda pratica alguma luta esportiva, como citou no livro?
Daniel Mastral: Não. Para mim, Deus deu uma palavra Rhema: Parar com esportes de combate. Quem vive pela espada, morre pela espada. Hoje Deus peleja por mim, minha força vem do alto! Não de meus punhos! Ele é minha fortaleza, e meu general!

BF: Tendo uma personalidade tão forte, quem foram as pessoas usadas por Deus - pastores, cantores, líderes em geral - na sua vida?
Daniel Mastral: A pessoa mais importante em minha vida, no processo de restauração e cura, foi minha esposa, na época, minha noiva. Isabela ficou sempre ao meu lado, confiou, deu-me todo o apoio e ajuda que precisei. Foi, e é, uma grande amiga e auxiliadora. Chorou quando chorei, e se alegrou com minha felicidade! Foi corajosa o suficiente para não ceder a nenhuma ameaça, mesmo quando sofremos ataques violentos contra nossos familiares e animais de estimação. Também não posso deixar de citar a Neuza Itioka, uma grande amiga e um tremendo instrumento nas mãos de Deus para me dirigir as ministrações de libertação e cura interior. Foi com muito amor e autoridade que ela foi usada para me libertar de tantas coisas ruins que ainda haviam em meu coração, principalmente as lembranças dolorosas... Houve também uma outra mulher, Maria de Lourdes, que é diaconisa de uma Igreja que fiz parte. Ela permaneceu ao nosso lado nos momentos mais difíceis, suprindo necessidades como pastora. Foi uma conselheira especial e fiel intercessora.

BF: Qual seu maior sonho em relação a Deus?
Daniel Mastral: Maranata!

BF: E como você vê a conversão de artistas, como Baby do Brasil, por exemplo?
Daniel Mastral: Vejo nisso o poder de Deus manifesto! Vi a entrevista da Baby no programa do Jô, adorei! Não posso quantificar o compromisso dela com Deus, mas no que pude constatar, ela foi muito sincera. Falou abertamente de suas convicções, sem se preocupar com o que poderiam estar pensando da sua nova fé, demonstrou muita alegria e uma conversão autêntica. Melhor do que muitos fariseus de nosso tempo, que escolhem as melhores palavras, os gestos mais impactantes, a melhor entonação de voz...mas não têm vida com Deus.

BF: Qual sua opinião sobre a mídia evangélica?
Daniel Mastral: Não quero julgar ninguém. Mas a palavra é clara neste ponto. Para todo homem que chama a glória sobre si não há como se manifestar Nele o Poder de Deus. A Autoridade (espiritual) vem da submissão e da obediência, da humildade. O diabo não se preocupa como pessoas cujo Cristianismo está mais respaldado em si mesmo do que no Reino, pois o orgulho já os derrubou. O inferno respeita os puros de coração e os humildes, os que preferem dizer "Convém que Jesus cresça e eu diminua".

BF: Qual sua maior experiência com Deus, além de sua conversão?
Daniel Mastral: Muitas...muitas mesmo! Na provisão, proteção, nas experiências com os Anjos, no discernimento. Estão relatadas no novo livro - "Guerreiros da Luz".

BF: Você poderia nos deixar uma mensagem para encerrarmos a entrevista?
Daniel Mastral: Diante da presente situação, isto é, a iminência do final dos tempos e o advento do Anticristo; diante da revelação da irmandade, não resta outra solução para a Igreja, senão rever alguns conceitos. Primeiro: ter a consciência de que estamos em guerra; segundo: preparar-se para a guerra. E terceiro: somente então ir para a guerra. Assim que se faz para combater o bom combate! Creio ser indispensável dizer que estamos em guerra.
No tocante à preparação da Igreja gostaria de ressaltar apenas um dentre tantos aspectos: a necessidade de santificação! A Igreja tem sofrido por estar contaminada pelo mundo, pela carnalidade daqueles que estão embutidos de poder, e tantas vezes dividida pelas efemeridades. Antes de estarmos prontos para enfrentar a Batalha Final, há necessidade de arrependimento, confissão de pecados e mudança real de atitude. A maioria dos cristãos espera ansiosamente pela volta de Jesus, mas eu gostaria de fazer a lembrança do fato: Jesus volta quando o cenário do Apocalipse estiver em seu apogeu! Portanto minha palavra final é a seguinte: Mateus 24:36-42. Porque não sabemos a que horas virá o nosso Senhor. E sem santificação e vida com Deus, corremos o risco de ver o Anticristo face a face.#

http://www.tabernaculonet.com.br/luz.php?facho=t00487

"Filho do Fogo". Este livro tem provocado uma revolução por onde passa, tem levantado novos remanescentes que acordaram de um sono de aliança com o mundo e com o sistema. Tem despertado as pessoas para uma realidade: SATANÁS.
No livro "Filho do Fogo" (publicado em 2 volumes), Daniel relata como foi escolhido por Satanás para fazer parte de seu exército e espalhar de forma estratégica a doutrina satânica. Aos 18 anos ele entrou para esta Irmandade e começou a fazer parte de rituais totalmente macabros – mas verdadeiros! Chegou a namorar uma moça cristã para poder infiltrar-se em uma Igreja. Aliás, o livro também relata como os satanistas entram de maneira sútil (mas ousada) em várias Igrejas, não só no Brasil como em todo mundo. O objetivo? "DESTRUÍ-LAS"...

BF: Daniel, como será seu novo livro?
Daniel Mastral: "Guerreiros da Luz" será uma continuação de "Filho do Fogo". Neste, relataremos todo o processo depois de minha conversão. Como conheci Isabela e começamos o processo de cura interior e libertação, necessários com servos de Deus.
Foi um período bastante longo, cheio de detalhes e revelações minuciosas. Associado a isto a Irmandade tornou a entrar em contato comigo e as perseguições que vieram em seguida foram muito mais intensas do que até então! Contamos como foi o processo de Deus para transformar nossas vidas e nos preparar para o Ministério e também como foi escrever "Filho do Fogo". Foram lutas e perseguições de todo o tipo. Diante deste quadro, fomos sendo treinados para combater o bom combate, erramos muito, mas também aprendemos muitas coisas. Aprendemos cada dia algo novo, tudo o que pregamos Deus nos deu o privilégio de antes viver na prática! Também vamos relatar o que experimentamos no tocante ao sobrenatural de Deus, na provisão, na proteção, na visão dos anjos, no discernimento que nos livrou muitas vezes de cair nas armadilhas do inimigo. Foi uma longa jornada, e minha esposa viveu ao meu lado a cada momento. Hoje a luta continua, mas em outras bases. Precisamos das orações da Igreja!

BF: Na sua opinião, como está a Igreja de Jesus, hoje, na Terra?
Daniel Mastral: A Igreja foi muito contaminada com o mundo. Hoje temos algumas Igrejas muito doentes, outras muito fracas, temos visto todo tipo de contaminação e acúmulo de pecados não confessados. É preciso que o Senhor leve o Seu povo ao verdadeiro arrependimento, pois somente assim seremos capacitados com uma nova Unção e poderemos fazer frente às lutas cada vez maiores que estão por vir, uma vez que caminhamos rapidamente para o final dos tempos. Nossa Igreja do século XXI tem perdido a visão do Reino, tem estado mais preocupada com placas denominacionais do que com a real unidade, mais interessada nos seus próprios projetos do que nos projetos de Deus, fazendo alianças falsas por causa de dinheiro, oferecendo fogo estranho ao Senhor e usando muitas vezes estratégias humanas para resolver problemas espirituais. Da mesma maneira que os satanistas invadiam Igrejas antes, continuam fazendo agora praticamente sem encontrar resistência. Isso é o que temos presenciado muitas vezes, mas hoje é tempo de restauração e Deus está tocando a Trombeta nos púlpitos, chamando-nos ao arrependimento. Primeiro Ele tem que restaurar os vasos, limpá-los de toda a sujeira. Quando estivermos prontos, então haverá o derramar de uma nova Unção, como não há precedentes na História. Creio que o Brasil experimentará um grande avivamento, mas isso não virá sem antes haver arrependimento e restauração!

BF: O que significa essa verdadeira unção para você?
Daniel Mastral: Significa a capacitação sobrenatural que Deus derrama sobre o cristão para que ele execute algo especifico, ou seja, cumpra seu destino espiritual.

BF: Bom, agora vamos falar um pouco de você - muita gente tem curiosidades a seu respeito. Qual livro da Bíblia gosta mais?
Daniel Mastral: O Pentateuco é tremendo, rico em lições de vida e noções de história, é o início de tudo. Tenho especial empatia pelas histórias de Davi e Daniel. Gosto muito de Salmos e dos Evangelhos e é claro, Apocalipse, pois é onde Deus nos revela qual será o fim de nosso inimigo: lago de fogo e enxofre!

BF: Como é o seu dia a dia?
Daniel Mastral: Meu dia a dia não é muito regrado! Quero dizer que quando há muito que fazer, trabalho até altas horas, Isabela igualmente. Quando não há, durmo até mais tarde e aproveito para fazer o que ficou atrasado em termos de vida: afinal, todo mundo tem suas manias e vontades! Não esqueci da ginástica, embora não pratique mais Kung-Fu. Isabela me acompanha. Pretendo começar a estudar línguas, acho que cedo ou tarde vou precisar. Quem leu "Filho do Fogo" sabe como me dou "superbem" com inglês! Espiritualmente falando, somos membros e freqüentamos a Igreja local sempre que possível. O trabalho nos finais de semana dificulta um pouco, eu e Isabela procuramos - embora haja lutas neste sentido -, orar em concordância várias vezes por semana. Boa parte do meu dia gasto respondendo os numerosos e-mails que recebo e atendendo os pastores para elaboração de novos Seminários. O preparo é delicado e envolve muitos detalhes. Costumo ligar para as igrejas monitorando os preparativos porque não tenho ainda uma secretária que me auxilie neste trabalho. Escrevemos também todo o material didático dos Seminários. Também temos encontros periódicos com nossa liderança para orar, tomar decisões e nos aconselhar. Damos muito valor a isso, pois esta vigilância é fundamental. Finais de semana??? Viagens e ministrações em diversos pontos do Brasil. Viagens a passeio ainda são muito raras!

BF: E como são as suas ministrações e seminários?
Daniel Mastral: Os Seminários iniciam as 14:00h e terminam em torno das 21:00 ou 22:00h. Não se trata de um "repeteco" do livro "Filho do Fogo". Na primeira parte entramos no território inimigo, desvendando seus propósitos, objetivos e metas, bem como as artimanhas que utilizam para atingi-las. Também procuramos colocar a questão da batalha espiritual de forma equilibrada, pois nem tudo é culpa do diabo (vejam a parábola do semeador – Lucas 4:15). Nos casos citados por Jesus como errados, somente em um dos 3 o diabo interviu, roubando a semente .
Na Segunda parte do seminário, a mais importante, falamos do poder de Deus e das armas de guerra que temos para combater o bom combate, e são muitas! Tudo embasado na Bíblia, é claro, mas também como fruto das experiências práticas que temos vivenciado! No final Deus dirige uma Ministração coletiva, e Ele sempre nos surpreende, dando muito mais do que pedimos. Derramando bênçãos, libertações, levando o povo ao arrependimento e ao desejo de começar um processo de restauração da aliança com nosso Criador! É uma festa santa sem placas, sem denominações... como será na Eternidade!

BF: Como a sua família reagiu a sua conversão e ao seu passado?
Daniel Mastral: A conversão foi bem recebida, afinal depois dela minhas atitudes mudaram completamente e isso refletiu positivamente dentro de meu lar, ainda quando solteiro. Muita coisa referente ao passado eles presenciaram (questão das gangues e brigas da adolescência), mas foi um choque saber no que realmente eu estava envolvido. Agora isso foi superado. Meu pai se converteu pouco antes de falecer, tenho um irmão que está quase, orem por ele! E o restante... ainda não se converteu.

BF: Abraxas (guia demoníaco que cobria Daniel) tentou falar com você depois que se converteu?
Daniel Mastral: Uma única vez. Pegou-me em um momento difícil, estava deprimido, com muitos problemas, recém casado e passando um terrível deserto financeiro – todas as pessoas que um dia prometeram estar ao nosso lado, agora fugiam de nós, como se tivéssemos lepra. Um Pastor e também um homem muito rico, certa vez nos disse: "Se um dia houver tempestade aqui há teto para vocês". A tempestade veio, procuramos ajuda, conselhos, orações, mas quase ninguém se dispôs, excetuando as duas Guerreiras que citamos no final de "Filho do Fogo". Uma diaconisa da igreja em que fazíamos parte, orava conosco e nos fortalecia com palavras de sabedoria. A Pra. Neuza Itioka foi outra benção, nunca nos abandonou: orou por nós, aconselhou, ofertou, emprestou dinheiro, fez o que pode! Foram as únicas que estiveram ao nosso lado nos momentos mais difíceis. Louvamos a Deus por isso! Bem, estava muito deprimido e por um momento me deixei enganar por Abraxas, quase paguei com a vida por isso.

BF: Você ainda tem visões com demônios, eles te ameaçam ainda?
Daniel Mastral: Só vi demônios por 3 vezes depois que me converti e louvo a Deus por isso, chega de ver demônios! Quero ver os anjos, o Poder de Deus, a gloria do Pai! Mas sinto a presença deles, e esta tem sido uma arma que Deus nos deu para discernir luz de trevas e tem nos livrado de muitas ciladas.

BF: Você tem muito conhecimento sobre Batalha... Para você, qual é o segredo do "verdadeiro Guerreiro Espiritual" ?
Daniel Mastral: Obediência! Esta nos conduz ao centro da vontade de Deus, onde o Poder do Alto se manifesta. Sem sujeição à Palavra não há autoridade contra o diabo, e a santidade sem a qual ninguém verá o Senhor!

BF: Daniel, através de seu testemunho sabemos você era um escolhido na Irmandade para ocupar uma posição de destaque na Hierarquia Satânica. Quando você saiu, colocaram alguém em seu lugar?
Daniel Mastral: Não sei, aliás, esta é uma pergunta que tenho me feito.

BF: E a base que você conta no livro que a irmandade iria implantar no Brasil. Já existe?
Daniel Mastral: Sim.

BF: Para os demônios, qual região do país pode ter maior influência satânica - São Paulo, Salvador ou Brasília?
Daniel Mastral: Na verdade são nove pontos. Estes que você citou são três deles.

BF: E existe disputa de espaço ou hierarquia entre os demônios?
Daniel Mastral: Sim, o respeito hierárquico é obedecido por causa da escala de poder que cada um ocupa e possui. A última coisa que um deles faz é abandonar o território que ocupa.

BF: Os demônios têm acesso a informações administrativas e financeiras da igreja e passam essas informações para os satanistas ou eles utilizam outros meios para descobrir? Como podemos impedir isso?
Daniel Mastral: Os meios de ter acesso a informações são sempre espirituais. Os demônios podem estar nos mais diversos lugares, por isso a melhor maneira de proteger dados sigilosos é através de oração. Cada igreja deveria ter um grupo de intercessores que se revezassem e cobrissem o ministério diariamente, o pastor, a igreja, as famílias, os dados administrativos, etc. A Unção com óleo é outra arma. Se Deus dirigir e somente se Deus der esta orientação, devem ser ungidos com óleo portas e janelas da igreja, periodicamente. Todo ministério precisa de seus atalaias, as sentinelas de Deus! Porém este grupo deve ser criteriosamente escolhido para que não haja infiltração nele.

BF: Para terminar, qual sua opinião com relação aos comentários feitos no Fórum do eucreio.com sobre sua entrevista anterior?
Daniel Mastral: Visitei o portal algumas vezes e pude notar que mais de 15.000 pessoas o visitaram, deixando suas opiniões, ou simplesmente lendo as opiniões já manifestas. Sou muito grato a Deus porque estas sementes em forma literária (livro, entrevistas, etc) têm caído em solo fértil: estão mudando vidas, levando as pessoas a uma conscientização de que a guerra existe e é preciso posicionar-se diante dela. Ficamos gratos principalmente a Deus, pois para isso Ele nos chamou. A maioria dos comentários, bem como os e-mails que recebo, são de pessoas que compartilham a edificação que a leitura trouxe. Esperamos que o próximo livro traga mais edificação!
Porém, também há uma minoria (em percentual, menos de um por cento) que não entende, pois o diabo tem cegado vidas para esta realidade e usado crentes carnais como matéria prima para sua "obra". Quem eram os principais inimigos de Jesus quando esteve entre nós, como homem? Os Fariseus. "Doutores da Lei", "sábios", "detentores da verdade". Viviam acusando Jesus, tentando provar que ele era um farsante, e acusando-o até de ter parte com Belzebu! Na verdade, eles estavam sendo instrumentos nas mãos do diabo! A Palavra já nos diz que "a letra mata, mas o espírito vivifica". Hoje, esta realidade não mudou. Ainda temos os "Fariseus" do século XXI, pessoas que têm conhecimento apenas da letra, o conhecimento teórico de Deus, mas não têm vida com Ele! Estão carentes de entendimento e julgam sem conhecer, como foi na época de Jesus. Esta é uma triste, mas palpável, realidade. Que a alegria no Senhor seja sempre sua maior força!#

http://www.tabernaculonet.com.br/luz.php?facho=t00488

Daniel Mastral: planos e experiências

1 - DANIEL, SOUBE QUE HOUVE ALGUMAS MUDANÇAS EM SEU SEMINÁRIO? QUAIS FORAM?
Sempre buscamos aprimorar o nosso trabalho, pois não fazemos para homens, mas para Deus! Hoje nossos seminários duram mais tempo, aprofundamos em alguns assuntos e Isabela também fala, cumprindo uma direção de Deus.
O nosso curso dura um dia todo. É dividido em três módulos principais. Na primeira parte falamos a respeito de nosso adversário, o diabo. Conhecemos melhor seu poder, seu exército, seus objetivos e o que estão fazendo para que suas metas sejam alcançadas. É muito importante conhecermos o nosso inimigo. Em toda história vemos que antes de entrar no território inimigo é feito um estudo do adversário. Veja o exemplo recente da guerra entre os EUA e o Afeganistão. Primeiro eles sondaram o inimigo, estudaram seu potencial militar, conheceram seus pontos fortes, e suas fraquezas. Não o menosprezaram embora fosse um país em ruínas. Depois enviaram suas tropas para entrar no território inimigo, (detalhe: foram enviados soldados treinados, preparados, não mandaram "qualquer um"...) mas estas tropas tinham toda uma cobertura aérea, a vários pontos de apoio. A realidade espiritual é assim também. Não basta conhecer o inimigo, temos que estar preparados para a guerra! E como nos preparamos para a Guerra? Conhecendo as armas que temos em Cristo Jesus!
Esta é a Segunda e a Terceira parte do seminário, onde treinamos os soldados, ensinamos o que temos aprendido em Batalha espiritual. Claro que uma guerra não se faz com apenas um soldado, todo o corpo faz parte deste exército. Uns dando cobertura em oração e intercessão, outros pregando, outros evangelizando, outros louvando, etc. Cada um de nós é importante neste exército, onde nosso grande general é Cristo!
2 - COMO ESTÁ O PLANEJAMENTO PARA O LANÇAMENTO DE "GUERREIROS DA LUZ"? PORQUE ESTÁ DEMORANDO TANTO?
Estamos escrevendo. Deve ser lançado até agosto, no mais tardar. Não é fácil escrever este tipo de livro, compactar as experiências, e deixar uma mensagem que seja acima de tudo inspirada por Deus. Nossa expectativa é que "Guerreiros da Luz" supere "Filho do Fogo", pois vamos relatar muito do Poder de Deus, nos livrando de tantas armadilhas feitas pelos nossos inimigos. Tivemos, também, problemas com nosso computador... aliás ainda temos... precisamos de um computador mais potente e novo. O que temos vive nos dando problemas. Como não temos computador portátil, levamos papel e caneta a todo lugar, e sempre que podemos, escrevemos. O livro esta quase todo manuscrito. Teremos que ainda passar tudo para o computador. Estamos orando para que Deus nos envie uma máquina mais potente, pois já ganhamos um programa onde a através da leitura do texto, o mesmo é digitado automaticamente e sem erros! Isso facilitaria muito no transporte de dados do papel para o computador, mas para isso precisamos de uma nova máquina. Estamos orando por isso!
3 - CERTAS PESSOAS DIZEM QUE VOCÊ "ENFEITOU" MUITO A HISTÓRIA REAL RELATADA EM "FILHO DO FOGO". FAZENDO COM QUE A REALIDADE DA SUA VIDA TORNASSE UMA FICÇÃO, O QUE PODE DIZER SOBRE ISTO?
Nunca soube de tais afirmações. Recebo por dia mais de 100 e-mails e tenho em meu banco de dados mais de 30.000 e-mails de leitores que são unânimes em afirmar que foram muito abençoados com a leitura. Assim também tenho visto em portais evangélicos onde abrem fórum para debates a nosso respeito. A grande maioria é muito edificada. O que torna o livro agradável para a leitura é justamente a riqueza de detalhes que ele possui. Se alguns acham que textos descritivos, diálogos e explicações são "enfeite", para mim não muda o fato de que "Filho do Fogo" é um livro apreciado por 99% dos leitores e tem despertado muitas vidas a ter um compromisso real com Cristo. É isso que importa!
4 - EXISTEM FATOS QUE PASSOU NO SATANISMO E QUE NÃO PODE RELATAR NO LIVRO?
Claro, muitos! Mas não trariam edificação. Outros não tivemos a liberação de Deus para escrever. Talvez no livro "Guerreiros da Luz" vamos apresentar algumas outras coisas, mas para isso ainda estamos orando. Filho do Fogo é um resumo dos acontecimentos. Em 6 anos haveria muita coisa que contar.
5 - NO LIVRO, VOCÊ DENOMINA A REDE SATÂNICA COM O NOME DE "IRMANDADE", ESTE NOME É FICTÍCIO?
Não, é o nome adotado por este grupo mesmo. Rebecca Brown também usa esta mesma definição.
6 - COMO É SEU DIA A DIA, HOJE?
Acordo cedo, abro meus e-mails, leio, respondo, aconselho, tiro dúvidas, agradeço as orações, agendo seminários etc. Isso leva umas 4 a 5 horas. Depois fico no telefone mais umas 2 horas, monitorando os seminários já agendados, dando retorno a ligações que não pude atender, coisas assim.
Pesquisamos mais, sempre! Para aprimorar nossos seminários. Escrevemos mais livros - Táticas de Guerra - nos rendeu uma bom tempo de estudo e pesquisas. Agora nosso esforço está centrado em "Guerreiros da Luz". Respondo também as cartas que chegam via correio, e são muitas! Claro, oramos, estudamos a palavra, buscamos sempre a vontade de Deus em cada decisão. Nos fins de semana ministramos nossos seminários. Periodicamente temos reuniões com nossa liderança. É assim, vivemos para o ministério.
Claro que há tempo para o lazer. Gostamos muito da prática esportiva. Vamos a academia 3 vezes por semana. Também dedicamos tempo aos nossos "filhos", os gatinhos Mambo e Merengue, e os cães, Mel e Jully! São lindos!
7 - SEU ÚLTIMO LIVRO "TÁTICAS DE GUERRA" TEVE A MESMA REPERCUSSÃO QUE "FILHO DO FOGO I E II"?
Não. O objetivo é outro. Por ser um livro destinado mais para estudo, somente pessoas com um chamado especial em Batalha Espiritual irão se interessar.
8 - PORQUE DEU UMA PEQUENA "SUMIDA"?
Todo líder precisa de um tempo para se renovar. Moisés ia ao monte orar, Jesus também! Nós precisávamos de um tempo a sós com Deus, buscar Sua face. Subir ao monte. Precisávamos de um renovo, de uma nova unção, de uma nova Palavra. Por isso "sumimos". Mas não saímos de férias. Aliás não tiramos férias há anos. Ficamos aqui mesmo por São Paulo. Depois da publicação de "Guerreiros da Luz" pretendemos parar por uns 15 dias.
9 - DANIEL, NO FINAL DO ANO PASSADO, UMA JUNTA DE CERTOS PASTORES LEVANTARAM-SE CONTRA SEU LIVRO? NA SUA OPINIÃO, PORQUE FIZERAM ISTO?
Isso não me surpreendeu. Nem mesmo Jesus agradou a todos. Foi até acusado de ter parte com Belzebu!!! O apóstolo Paulo, também, teve sua fé questionada, e passou por muitos perigos, inclusive entre falsos irmãos.
Portanto, sei que isso tudo faz parte. Eu não tenho nada contra os que me acusaram, e para mim já estão todos perdoados. Não posso julgá-los, pois muitos agem por falta de conhecimento (Os. 4:6). Minha luta não é nem nunca será contra pessoas, ainda mais meus irmãos em Cristo. Minha luta é contra o inferno e seus demônios, é contra estes que me posiciono contra.
10 - EM SEU LIVRO RELATA QUE UM SATANISTA PODE TORNAR-SE ATÉ PASTOR, QUE MUITAS VEZES ELE VAI PARA A IGREJA E LANÇA FEITIÇOS OU ENCANTAMENTOS ONDE A UNÇÃO NÃO PODE PEGÁ-LO. MAS DEVE EXISTIR ALGUMA COISA DENTRO DA IGREJA, OU DE UM CULTO QUE ELES NÃO SUPORTAM... QUAL?
Não é a liturgia do culto que trará maior ou menor unção no local. Não há fórmula mágica. Vou usar novamente um exemplo recente; os EUA jamais imaginariam que poderiam ser atingidos. Mas havia uma brecha, uma lacuna, na qual nunca haviam pensado... é ai que o inimigo entra. No nosso caso, somos filhos de Deus e temos a revelação do Espírito Santo que nos sinalizará aonde e como o inimigo virá. Mas para isso é necessário uma vida de santidade com Deus. Como exigir autoridade se muitos de nós não amamos a Deus de fato?
Santidade é fundamental para sermos usados pelo Pai. Deus santificou tudo o que antes iria usar: o templo, o tabernáculo, os discípulos, o sétimo dia etc. Portanto, para ser usado por Deus temos que nos santificar. O que é isso? Não temos parâmetros do que é santificação. Sabemos o que é fidelidade, justiça, amor... pois temos alguns parâmetros humanos para isso. Mas santidade... somente os anjos sabem o que é isso. No entanto sabemos que para sermos santos diante de Deus temos que obedecer Suas palavras, não é assim? Qual é o maior dos mandamentos? "Amar a Deus acima de todas as coisas!". Nós amamos mesmo a Deus acima de todas as coisas quando chegamos atrasados nos cultos? Quando ficamos batendo papo durante o louvor? Quando não vamos as reuniões de oração, mas na festa do sorvete não perdemos uma?! Quando damos as costas ao pregar e vamos embora, pois ficamos "cansados"... Faríamos isso com nosso chefe de trabalho? Chegaríamos atrasados em uma partida de futebol? Falaríamos durante um concerto de musica? Estamos mesmo amando a Deus? Sabe o que a Palavra diz dos que fazem a obra de Deus "desleixadamente" (Jr 48:10)?? "Malditos é o que são estes!".
O primeiro passo para termos autoridade espiritual é a santidade. O mais Deus nos acrescentará. Conseguimos imaginar Paulo, Pedro, João, pregando e vindo um satanista incomodá-los, ou enganá-los? Eles tinham autoridade! Temos que buscar antes a Deus e a autoridade vinda de Deus será uma conseqüência natural. Se realmente buscarmos a Deus Ele nos revelará as estratégias do inimigo!
Este é o segredo! Se vivermos o que pregamos, os satanistas se converterão, pois vão ver a imagem de Cristo refletida em nossas vidas. Mas, muitas vezes, temos refletido a sujeira de nossa alma: ambição, orgulho, divisão, inveja, falta de caráter. É tempo de mudanças, e o começo de uma grande jornada é dando um pequeno passo em direção a santidade verdadeira não farisaica.
11 - ENTRE SUAS DIVERSAS VIAGENS AO LADO DE ISABELA PARA MINISTRAR EM SEUS SEMINÁRIOS, QUAL CIDADE ENFRENTOU MAIOR RESISTÊNCIA, E QUAL TEVE MAIOR ACEITAÇÃO?
Maior resistência foi em Belo Horizonte. O Satanismo lá possui uma base muito forte. Igrejas marcaram seminários conosco e depois foram ameaçadas... tiveram que cancelar. O melhor lugar que já ministramos foi em Londrina, na Igreja Metodista. Foi uma tremenda benção! Reuniram mais de 700 pessoas representando mais de 30 denominações diferentes. Até padre tinha lá! Todos foram muito abençoados e Deus derramou uma unção que vimos poucas vezes... foi maravilhoso! Mas eles pagaram o preço. Não se intimidaram com as lutas, oraram, jejuaram, ungiram o local, se reuniam toda a semana para acertar as arestas. Deus honrou! Foi sem dúvida um de nossos melhores seminários.
12 - CERTOS PASTORES DIZEM, QUE VOCÊ FEZ DE SEU TESTEMUNHO NO "MUNDO SATÂNICO" UM COMÉRCIO... O QUE PODE DIZER A ESTE RESPEITO?
Procuramos ser realistas, e apresentar a Batalha Espiritual, de uma forma balizada, com argumentação para sustentar as afirmações e práticas adotadas pelo Satanismo. É claro, que sempre haverá pessoas se posicionando contra, nem mesmo Jesus agradou a todos. Mas não vejo isso como um comércio. Se eu visasse ganhar dinheiro já estaria rico. Pois, o que não me falta são propostas "milionárias" dentro da igreja. Mas toda vez que vejo que a intenção é apenas lucro financeiro, e não as vidas, não aceito o convite. E tenho recusado muitos destes...inclusive somas altas em dinheiro para apoiar determinados candidatos... Mas sei que todos temos que vigiar nesta área. Aquele que esta em pé que olhe para que não caia... Não somos super-crentes. Por isso pedimos que orem por nossas vidas que Deus continue a manter nossos corações humildes, pois da humildade precede a honra, e queremos ser sempre vasos de honra para Deus!
13 - NA SUA OPINIÃO, PORQUE OS PASTORES TÊM TANTA RESISTÊNCIA EM ACEITAR, HOJE, A GUERRA ESPIRITUAL?
Infelizmente nem todos tem a mesma visão. Nem todos crêem na realidade da Batalha Espiritual. E este tem sido um grande trunfo nas mãos do diabo, pois como lutar se não acreditamos que a guerra existe? No entanto, todos nós somos irmãos em Cristo e todos fazemos parte do mesmo corpo. Se meu irmão não aceita a realidade da Guerra, mas é um grande mestre no ensino, um levita, um intercessor, em evangelista etc. Isso é o que importa, pois cada um de nós tem um chamado dentro do corpo de Cristo. A população militar de um país será sempre inferior a civil. Assim também os chamados para a Batalha Espiritual serão proporcionalmente um numero menor dentro do corpo de Cristo. O que não desqualifica os demais, pois todos somos importantes. Cada um de nós! Por isso não me preocupo com irmãos que pensam ou crêem de forma diferente. O que importa que é que servimos ao mesmo Deus, e todos estamos de alguma forma colaborando para o crescimento do Reino do Pai.
15 - DEIXE UMA MENSAGEM PARTA OS INTERNAUTAS.
Quero aproveitar este espaço para agradecer a todo o carinho que tenho recebido de nossos irmãos leitores, e toda oração levantada em nosso favor. Isso tem nos dado força para seguir adiante. Louvo muito a Deus pelo privilégio que temos em servir ao Rei dos reis, e por sabermos que estas sementes de forma literária têm alcançado tantas vidas.
http://www.tabernaculonet.com.br/luz.php?facho=t00489

Para quem não conhece a história real dos autores dos livros "Filho do Fogo – 1 e 2", de Daniel e Isabela Mastral, eles são nada menos que um testemunho que revolucionou a comunidade cristã brasileira. Daniel Mastral é um nome fictício, de um ex-satanista, que fez parte de uma organizada Irmandade Satânica. Ele foi escolhido para infiltrar-se em igrejas cristãs e conseguia executar seus planos de ataques contra os fiéis principalmente por causa da omissão e falta de compromisso dos mesmos.
Através do livro e entrevistas no eucreio.com, milhares de pessoas conheceram esta real e emocionante história, de um homem que conseguiu sair do reino satânico e depositou sua fé em Jesus Cristo. Mas, como não poderia deixar de ser, foram muitas as críticas contra Daniel. Chamaram-no de charlatão, mentiroso e outras coisas mais. E foi exatamente isso que me motivou a fazer mais uma entrevista com ele. Eu queria saber quem realmente é Daniel Mastral.
Propositalmente, fui para a cidade de Curitiba acompanhar de perto um seminário de Daniel e Isabela Mastral. E pude comprovar pessoalmente o quanto este casal é usado por Deus, estive com eles todo um final de semana observando sua seriedade, unção e aliança com o Senhor. Peguei o depoimento de algumas pessoas que estavam no seminário e descobri que todas saíram renovadas e desafiadas a um novo compromisso de fidelidade a Jesus Cristo. Só depois disso é que fiz estas novas perguntas para esse guerreiro de Deus (o que posso dizer com convicção!) chamado de Eduardo Daniel Mastral:

DANIEL, COMO ESTÁ SUA VIDA HOJE, DEPOIS DE TODA REVOLUÇÃO DO LIVRO FILHO DO FOGO?Daniel Mastral: A repercussão realmente me surpreendeu. Antes do lançamento muitos me diziam que este livro não seria lido por quase ninguém, que o povo evangélico não gosta de ler, que tinha ficado longo, etc. Mas o que vi foi algo tremendo!
O livro hoje é um best seller, classificado pela revista Consumidor Cristão como o primeiro da lista dos mais vendidos (autores evangélicos nacionais) e está entre os 10 mais vendidos (em 8o) na lista geral. Foi também finalista do prêmio ABEC de 2000. Isso nos demonstrou que estas sementes de forma literária têm caído em solo fértil, têm alcançado vidas e transformado muitos crentes.
Recebo muitos e-mails e é comum eu receber cartas de pessoas que se converteram depois da leitura. Tudo isso é muito gratificante, pois nos demonstra que estamos no caminho certo. Louvado seja o nome de Jesus Cristo!

A IRMANDADE AINDA TE ATACA OU AMEAÇA?
Daniel Mastral:
 Com o passar do tempo as táticas e estratégias de ataque mudam. Antes tentavam me persuadir pela emoção, dizendo que eu tinha abandonado a "verdadeira família", coisas assim. Depois tentaram me comprar. Ofereceram grandes somas em dinheiro pelo meu silencio. Logo em seguida, depois de minha negativa, vieram as ameaças. Houve períodos em que o telefone tocava de madrugada, recebia e-mails, Bips, com muitas ameaças. Nossas famílias também foram muita ameaçadas. E, também sofremos muitos ataques, atentados contra nossas vidas, contra nossos familiares, contra nossos animais, etc.
Aprendemos a confiar plenamente em Deus, pois somente a Mão do Pai poderia nos proteger. Tomamos atitudes de prudência, claro, mas a segurança maior vem do alto, vem de Deus!
Não posso dizer que é fácil, estaria sendo hipócrita. É o preço de ser guerreiro, um soldado de Cristo. Através deste treinamento nossa autoridade espiritual também é elevada. Imagine por exemplo em delegado de polícia. Ele te para na rua e pede seus documentos. O que você faz? Obedece. Afinal, ele é autoridade! Mas se fosse outra pessoa, o padeiro por exemplo, o que faria? Não obedeceria, pois não ele está revestido desse tipo de autoridade. Aprendemos que não adianta mostrar a "credencial" a "patente" se não tivermos autoridade espiritual. Oração, Jejum, unção com óleo, são armas poderosas, mas podem não funcionar se a pessoa não tiver uma vida de santidade, ou estiver com seu lar destruído, etc. O delegado, se preparou, pagou um preço. Muitos crentes não querem pagar este preço, e ficam aí entrando em lutas que não foram chamados, usando de uma autoridade que não
tem.
Batalha Espiritual não é mera "receita de bolo", é vida com Deus, é obediência as escrituras. Isso nos dá autoridade. Aprendemos isso nestes anos, e resumimos estas experiências em "Táticas de Guerra", nosso novo livro.

COMO FOI PARA VOCÊ SER ACUSADO DE CHARLATANISMO?
Daniel Mastral:
 Isso não me surpreendeu. Nem mesmo Jesus agradou a todos. Foi até acusado de ter parte com Belzebu. O apóstolo Paulo também teve sua fé questionada e passou por muitos perigos, inclusive entre falsos irmãos. Portanto, sei que isso tudo faz parte. Eu não tenho nada contra os que me acusaram, e para mim já estão todos perdoados. Não posso julgá-los, pois muitos agem por falta de conhecimento, como está em Oséias4:6.
Minha luta não é nem nunca será contra pessoas, ainda mais meus irmãos em Cristo. Minha luta é contra o inferno e seus demônios, é contra estes que me posiciono contra.

MAS PORQUE VOCÊ ACHA QUE ALGUNS LÍDERES RESISTIRAM EM ACEITAR SEUS LIVROS E TESTEMUNHO?
Daniel Mastral:
 Como você mesmo diz, foram alguns. Infelizmente nem todos têm a mesma visão. Nem todos crêem na realidade da Batalha espiritual, e este tem sido um grande trunfo nas mãos do diabo. Como lutar se não acreditamos que a guerra existe?
No entanto, todos nós somos irmãos em Cristo e todos fazemos parte do mesmo corpo. Se meu irmão não aceita a realidade da Guerra, mas é um grande mestre no ensino, um levita, um intercessor, um evangelista, etc, isso é o que importa. Cada um de nós tem um chamado dentro do corpo de Cristo. A população militar de um país será sempre inferior a civil. Assim também os chamados para a Batalha Espiritual serão proporcionalmente um número menor dentro do corpo de Cristo, o que não desqualifica os demais, pois todos somos importantes. Cada um de nós!
Não me preocupo com irmãos que pensam ou crêem de forma diferente. O que importa que é que servimos ao mesmo Deus e todos estamos de alguma forma colaborando para o crescimento do Reino do Pai.

VOCÊ ACREDITA QUE HOJE OS SATANISTAS ESTÃO MAIS FORTES DENTRO DAS IGREJAS?
Daniel Mastral:
 Não tenho dúvida nenhuma disso. Estamos no final dos tempos e a Palavra já nos dizia que nestes dias haveria mornidão, divisão, falsos profetas... Todo o cenário apocalíptico está sendo montado: o Bio chip, cartões com chip, globalização, a moeda euro, Internet... tudo está preparando a vinda de um líder mundial que dominará o mundo por um tempo. Mas a Igreja Santa será arrebatada antes, eu creio!
Temos, infelizmente dado muita legalidade ao diabo. Tenho visto com certa freqüência pastores cedendo seus púlpitos a políticos não crentes para darem "uma palavrinha", transformando um local que foi consagrado a Deus em palanque. Consegue imaginar Moisés convidando Faraó para dar uma "palavrinha" no Tabernáculo? Consegue imaginar Salomão convidando um ímpio para dar uma palavrinha no Templo? Estes locais foram separados por Deus, consagrados. É local santo, para os filhos de Deus! Atitudes assim tem contaminado os púlpitos e dado tremenda legalidade para a atuação de demônios. Como reivindicar autoridade se abrimos nossas portas a eles?
Claro que não é somente este tipo de legalidade que temos dado, mas aproveito este espaço para sinalizar este ponto, pois estamos perto de eleições. E se abrirmos nossas igrejas ao mundo... o mundo entrará em nossas igrejas. Fica aqui o alerta. Não vamos brincar com Deus! Estamos em Guerra, nosso inimigo é cruel e se tiver a mínima oportunidade vai nos destruir. Somente com atitudes prudentes faremos a guerra!

DANIEL, COMO VOCÊ JÁ ME RESPONDEU CERTA VEZ, NÃO HÁ COMO DETECTAR UM SATANISTA NA IGREJA, É SOMENTE PELO ESPÍRITO. MAS DEVE EXISTIR ALGO QUE POSSAMOS FAZER... O QUE POR EXEMPLO?
Daniel Mastral:
 O diabo é um ser legalista. Ele pode estar em sua igreja, mesmo que esta tenha grande unção. Lembre-se de que satanás esteve diante de Jesus no deserto. Também se apresentou diante de Deus para pedir permissão de atacar a Jó... Quer mais unção do que Jesus, do que Deus?
Por isso antes de iniciar um culto, uma reunião de oração, um louvor, temos sempre que pedir proteção a Deus, pedir que as entidades que ali estão saiam pelo poder da cruz, que o Pai envie seus anjos para cercarem o local, e que a unção e o poder de Deus encha aquele lugar, fazendo separação entre luz e trevas, e que nenhum demônio, nenhum enviado possa Ter poder naquele local, pois ali se reúnem os filhos de Deus! Fazendo assim está dada a ordem. Se não der a ordem ele não sai...fica lá. Não adiante orar "Pai abençoe esta reunião". Temos que ser específicos. Estamos em guerra!
Agindo assim vamos dificultar muito o ação destes em nosso meio e assim também muitas vidas que estão sendo usadas pelo diabo poderão ser libertas, pois as entidades que os acompanham terão que se afastar e eles poderão ouvir a Palavra de Deus livremente e serem libertos. Mas devemos fazer isso como corpo, como igreja, orando em concordância, não sozinho! A Guerra se faz com um exército, não com um soldado.

QUAL SUA EXPECTATIVA EM RELAÇÃO AO SEU OUTRO LIVRO, "GUERREIROS DA LUZ"?
Daniel Mastral:
 Esperamos que tenha maior impacto ainda do que Filho do Fogo. Vamos relatar nossas experiências nestes anos, onde percebemos o que de fato funciona em Guerra Espiritual - leia Táticas de Guerra – e relataremos também o poder de Deus manifestado em nossas vidas, nos livrando de tantas armadilhas, atentados, ataques. Nossos erros e acertos, até que Deus abriu a porta de ministério. E como foi escrever Filho do Fogo.
Claro que temos ainda muito o que aprender, mas caminhamos em direção ao alvo, a Jesus. O livro deve ser editado ainda neste semente. Orem por isso, pois as orações da igreja são muito importantes para nós. Dependemos do Espirito Santo e da unção para escrever cada linha, por isso cada oração é importante. Contamos com as suas! #
 http://www.tabernaculonet.com.br/luz.php?facho=t00490


Daniel Mastral: A Batalha continua!


Depois de muita espera, finalmente sai o novo livro de Daniel Mastral, um ex-satanista e autor do livro Filho do Fogo, escrito em dois volumes, onde ele fala de sua vida, como entrou para o Satanismo e como, mais tarde, encontrou sua libertação. Em Guerreiros da Luz, Daniel conta como continuou sua vida pós o lançamento dos dois primeiros livros que balançaram a Igreja brasileira e relata até mesmo atentados que sofreu da Irmandade satânica da qual fazia parte, onde quase morreu.
Daniel Mastral, segundo conta em Filho do Fogo, fora escolhido desde o seu nascimento pela Irmandade para fazer parte de um exército cuja missão é a de preparar a chegada do Anticristo no cenário mundial. Seu envolvimento com a Irmandade foi tão grande a ponto de aprofundar-se na Alta Magia, até mais tarde se tornar um feiticeiro.
Hoje salvo e um cristão convicto, Eduardo Daniel Mastral e sua esposa Isabela Mastral - esses são pseudônimos que adotaram por medida de segurança, e não seus nomes verdadeiros - têm percorrido igrejas em todo o País ministrando palestras que visam alertar a Igreja acerca do Satanismo e também prepará-la quantos aos seus perigos. Ele é da opinião de que "guerra" é bem mais séria do que se imagina e que não podemos subestimar o inimigo. Diz ainda que a maior arma contra o diabo é a autoridade espiritual conquistada através da santidade e submissão a Deus. Nessa entrevista ele fala de seu novo livro e muito mais.
Bruno Faria: Quando será o lançamento de seu novo livro?
Daniel: Depois de mais de três anos de trabalho, muitas lutas, perseguições, ameaças, atentados etc., finalmente chegamos ao fim deste trabalho. Já está na gráfica para o preparo dos fotolitos. Deve ser lançado oficialmente no final de setembro. Mas estamos pleiteando junto a gráfica a entrega de alguns exemplares para a Feira do Consumidor Cristão, que a Editora Naós irá participar. No fim do mês de setembro, iremos celebrar um culto de gratidão a Deus em nossa igreja, onde consagraremos este livro a Deus. Logo estará nas livrarias.
B.F: Do que trata o livro?
Daniel: É a continuação de Filho do Fogo. Relatamos o processo do forjar de Deus para que nos tornemos Guerreiros da Luz. Foi uma longa caminhada para aprendermos certos princípios que realmente funcionam em Guerra Espiritual. Erramos muito, claro, e ainda temos muito o que aprender. Mas o que aprendemos até aqui, estamos dividindo com a Igreja de Cristo. Vamos relatar também como foi o início de minha vida cristã, as lutas, as perseguições da Irmandade, os atentados, ameaças, e ataques que quase culminaram com minha morte. Também relataremos segredos da Irmandade que até então não tínhamos permissão de Deus para expor. Não sabemos a repercussão disso no Reino Espiritual, nem em nossas vidas. Mas sabemos que nosso Pai, que tudo pode, irá nos proteger! Fomos ao âmago do Satanismo. Muitas também foram as experiências com Deus, Sua provisão, proteção, o relacionamento com os anjos etc. É um grande privilégio fazer parte da família de Deus, e trabalhar para o Reino do Pai! Foram muitas coisas! Guerreiros da Luz ficou ainda maior do que Filho do Fogo. E tenho absoluta certeza de que, todos que leram e gostaram das histórias da imaturidade do Catatau, e da impulsividade do Eduardo em Filho do Fogo, que proporcionou além de conhecimento sobre nosso adversário, divertimento, entretenimento, lágrimas, e acima de tudo compromisso maior com Deus. Em Guerreiros da Luz, também estão reservadas páginas de muita descontração, entretenimento, e acima de tudo, estratégias espirituais que irão levar muitos cristãos a patamares de guerreiros, que combaterão o bom combate, e formarão o grande exército de Deus que pelejará a batalha final.
B.F: O sr. tinha muitos amigos na Irmandade e nas ruas quando tinha uma vida marginalizada. Como é sua vida hoje neste aspecto?
Daniel: Não tenho muitos amigos. Na verdade, tenho pouquíssimos amigos. Mas os que tenho são fiéis. Jesus também não teve muitos ao Seu lado. Apenas doze, e ainda um destes O traiu... Mas estes homens capacitados pelo Espírito Santo mudaram a história do mundo. Paulo também não teve muitos amigos. Vemos relatos de Timóteo, Barnabé, Pedro... poucos. Minha vida mudou muito. Gostaria de ter mais amigos, gosto de ver minha casa cheia... mas é o preço! Estou feliz com os amigos que tenho, e do apoio que recebemos de vários ministérios, das orações da igreja, dos e-mails carinhosos dos leitores e do acolhimento de minha igreja. Meu pastor é também meu editor, e temos uma aliança especial. Nada deste mundo é comparável quando há uma aliança forjada por Deus! Aprendemos que Deus não quer quantidade, mas sim, qualidade. Davi teve apenas um grande amigo, Jônatas. Rute teve a Noemi. Moisés, a Josué. Gideão, apenas 300 guerreiros dos mais de 30.000 que se apresentaram. Jesus teve doze. Eu tenho alguns que são preciosos para mim. Estou feliz assim!
B.F: O sr. relata em seu livro sobre o óleo de unção, segundo o livro de Êxodo. Podemos usar esta receita? E os satanistas podem ser desmascarados se ungidos com este óleo?
Daniel: Esta é uma pergunta freqüente em minha caixa de mensagens. O livro de Êxodo relata a receita de um óleo especial, ditada por Deus para ungir o Tabernáculo e seus utensílios, bem como os sacerdotes. Mas só era manipulado pelos próprios sacerdotes. Hoje, somos sacerdotes reais em Cristo, e não estamos mais debaixo da Lei, mas da graça. Portanto, podemos usar esta receita bíblica, sim. Porém, não há poder no óleo! Ele é um símbolo do Espírito Santo. É uma arma de guerra, sem dúvida! Mas, para usá-la, é preciso autoridade espiritual! É o mesmo que você ter uma algema e não ter poder de polícia para prender ninguém. De que adianta? Não há autoridade! Os satanistas não são pessoas tolas. Pelo contrário, são inteligentes e muito cautelosos. Vi muitas vezes satanistas serem ungidos sem problema algum, pois quem os ungia não tinha autoridade espiritual. Era pessoa com brechas em sua vida, na corrupção, no adultério, na mentira etc. Ou seja, sem autoridade. Neste caso, o óleo não pôde fazer nada! Mas se for alguém com vida consagrada, diante de Deus, a coisa muda de figura! Eles evitarão a todo custo a unção com óleo, pois o óleo, segundo eles, age como um "isolante espiritual", quebrando as alianças que tem com as entidades, e conseqüentemente, rompendo seu poder de influencia. A unção quebra o jugo e torna a vida liberta, pronta para receber a Jesus! Isso o diabo procura evitar a todo custo.
B.F: Como podemos, então, desmascarar um satanista?
Daniel: Não há "receita de bolo". Isso é fruto do discernimento espiritual, pois a Palavra já nos diz que eles procurariam enganar, se possível, os eleitos! Estariam em nosso meio como lobos, mas disfarçados de ovelhas. Isso é, não tem estereótipo. Vida com Deus nos dá, além de autoridade, poder em Cristo e dons espirituais, dentre eles, o discernimento. Veja o exemplo bíblico no livro de Atos 16: 17-18. Aqui uma mulher estava seguindo Paulo, e clamava em alta voz dizendo: "Estes homens que vos anunciam o caminho da salvação, são servos do Deus Altíssimo". Ela falava a verdade! Mas, depois de dias, notem: dias, Paulo ficou perturbado, e certamente teve o discernimento de que aquela mulher estava possuída de demônios. Então ele ordena: "Em nome de Jesus Cristo, ordeno-te que saias dela". E na mesma hora saiu! É esta autoridade que temos que buscar! O discernimento é fruto de vida com Deus, bem como a autoridade sobre os demônios.
B.F: O sr. pode dizer se há satanistas na política? O Marlon é um deles?
Daniel: Esta é outra pergunta freqüente em minha caixa. Há pessoas envolvidas com as trevas em vários segmentos da sociedade, já que têm como objetivo preparar o mundo para receber o Anticristo. E para isso, é necessário uma influência abrangente. Veja o site do professor Vicente, por exemplo. Mas uma coisa precisa ficar clara! Nossa luta não é contra sangue e carne. Deus ama as vidas. Por isso, nunca mencionamos nomes de pessoas, quer em nossas palestras, ou em nosso livros. Por isso quero, aproveitar o ensejo e declarar que eventuais boatos espalhados no meio evangélico apontado este ou aquele é de responsabilidade exclusiva de quem os diz, pois nunca saiu de nossa boca nomes de pessoas. Marlon está no engano como tantos outros, e precisa de Jesus. Temos que orar por eles! Você não precisa saber os nomes. Deus sabe quem é quem, e sua oração tem poder! Como já disse antes, Gideão precisou apenas de 300 homens. Deus não precisa de muitos, mas de alguns realmente comprometidos. Estes mudam a história. Vamos contar uma destas experiências em Guerreiros da Luz. Em tempo de eleições, deixo o alerta! Pelos frutos conhecemos as árvores, e estamos no tempo do fim, dos falsos profetas. Inclusive, devemos orar e buscar de Deus a estratégia certa. A resposta não virá dos homens, mas do alto!
B.F: Daniel, muitas vezes culpamos o diabo por nossos fracassos. Como o sr. vê isso?
Daniel: A parábola do semeador nos responde claramente esta questão. Jesus nos conta quatro situações distintas. Das quatro situações citadas (Mc 4:1-20), apenas uma resulta em benção e frutos. Portanto, um quarto ouviu e recebeu. Mas também, das quatro situações, em apenas uma delas a culpa é do diabo. Temos nosso livre arbítrio! Nem tudo é culpa do diabo. Há também nossa parte. Também existem casos em que Deus permite que o diabo se aproxime de nós, como fez com Jó, para que sirva de ferramenta nas mãos de Deus, a fim de nos forjar, nos lapidar. Afinal, só crescemos no deserto, na fornalha, nas dificuldades, não é assim? Louve a Deus pelas suas lutas, pois Deus é maior do que seus problemas, e Ele não dá peso maior do que possamos carregar. Como um soldado é forjado? Pergunte a quem serviu ao Exército! Alguém me disse: "Daniel, o inferno é verde!", mas depois de concluírem o treinamento, estão prontos para a batalha! Não há outro caminho! Em tudo dai graças! Deus tem sempre o melhor para você, mesmo que no momento você não entenda. Faça sua parte. Confie no Senhor e o mais Ele fará!
B.F: O que o sr. acha da afirmação "nós, os crentes, vamos para o céu, mas os demais, os católicos, por exemplo, estão condenados ao inferno"?
Daniel: Absurda! Não devemos julgar. Isso não nos cabe. Deus vê o coração! Provavelmente muitos católicos vão para o céu e muitos crentes irão para o inferno! Isso pertence a Deus!
B.F: Muitos ainda questionam sua conversão, acreditando que é impossível alguém sair da Alta Magia. O que diz a respeito?
Daniel: Estes questionamentos não são novidade! Existem há mais de 2000 anos. Jesus foi questionado pelos "doutores da Lei" de Seu tempo, e O acusaram de ter parte com Belzebu! Paulo também teve sua fé questionada por muitos, pois perseguia tenazmente os cristãos, como fazem hoje os satanistas. É possível, sim, alguém sair da Alta Magia pelo simples fato de que Deus é Deus! Ele é o Criador de todo o Universo! Ele Reina! A história não está nas mãos do diabo, mas de Deus! Não sou o único. Mas também há os que se dizem ter sido um deles, e usam a Internet para semear mentiras e contendas entre irmãos. Isso é algo que Deus abomina! Acho lamentável ver sites que se intitulam evangélicos falando mal do próprio Corpo de Cristo, a Igreja! Quem semeia divisão é o diabo! Temos que ficar alertas para os frutos. Louvo a Deus por Ele ter nos escolhido e capacitado para sermos ministros do Evangelho. Vemos com alegria que as sementes que temos lançado do Reino de Deus, quer seja através dos livros Filho do Fogo e Táticas de Guerra e agora também do Guerreiros da Luz, quer seja nas palestras e seminários que temos ministrado por todo o Brasil. Temos visto que estas sementes têm gerado muitos frutos para Deus, despertando o povo para a realidade da Batalha Espiritual, forjando guerreiros, estreitando o relacionamento com Deus, salvando vidas, restaurando feridas, curando e transformando o caráter, e trazendo autoridade ao povo de Deus através da santificação! Isso não tem preço! Somos apenas os vasos, os instrumentos. Quem faz é Deus! Procuramos ser vasos de honra, buscar com zelo os melhores dons, e ter vida com Deus. Mas, ainda somos falhos. Por isso, não olhem para o Daniel, pois ele é homem. Olhem para Quem fez Daniel. Olhem para Jesus! Ele nunca te decepcionará, jamais! Jesus te ama, e a paz que Ele pode dar transcende nosso entendimento. Consegue imaginar o tamanho de Deus? Este é o tamanho do vazio de quem não tem Deus em seu coração. Vive à deriva... Só Jesus Cristo salva! Só Jesus mudou o calendário, a História. Só Jesus ressuscitou, curou... Só Jesus pode mudar sua vida! Eu amo este Jesus!

http://www.tabernaculonet.com.br/luz.php?facho=t00491


Daniel Mastral: Guerreiro da Luz!

Em seu primeiro livro - "Filho do Fogo" - Daniel Mastral conta como Satanás está em guerra com a Igreja do Senhor Jesus, investindo contra os cristãos despreparados através da infiltração de seus seguidores nas próprias Igrejas.
Para quem não conhece sua história, segundo conta seu primeiro livro, fora escolhido desde o seu nascimento por uma organização mundial satânica, com sede em São Francisco - Califórnia - EUA, e com doze bases mundiais espalhadas por todo o mundo.
Hoje salvo e um cristão convicto, Eduardo Daniel Mastral e sua esposa Isabela Mastral - esses são pseudônimos que adotaram por medida de segurança, e não seus nomes verdadeiros - dão palestras em todo o País.
Confiram - em entrevista exclusiva ao Portal Saranet.com.br - tudo sobre o lançamento do novo livro "Guerreiros da Luz", e também a opinião do ex- satanista sobre temas polêmicos, como a vampiromania, por exemplo.
Bruno Faria: Daniel, como as pessoas reagem ao seu testemunho, por ter sido um satanista?
Daniel Mastral: A primeira reação é louvar a Deus, pois eu sou prova viva de Seu Poder! Para Deus não há impossível. Porém, há também o medo. Muitos ficam com receio de sofrerem retaliações por estarem próximos de nós. O que eu acho lamentável... Isso é falta de conhecimento Bíblico! Afinal, quem estava ao lado de Paulo, Pedro, Davi etc, foram abençoados com estas vidas, que eram alvos em potencial do inferno. Mas, como filhos de Deus e servos do Pai, eles eram benção por onde andavam. Eram benditos ao entrarem e benditos ao saírem, pois o Senhor era com eles! Temos que parar de dar tanto ibope ao diabo! Jesus é o cabeça sobre todo principado e toda potestade, se você conhece este Jesus e confia Nele e sua vida é reta diante do Pai, não há o que temer. Se fosse assim a nossa editora, por exemplo, a Naós, estaria falida. Mas Deus abençoou de forma tremenda. Antes de lançar Filho do Fogo, era pequena e praticamente desconhecida, hoje a editora cresceu tremendamente, tendo mais de 50 títulos publicados, é conhecida e respeitada no meio evangélico. E certamente temida no inferno, pois tem lançado livros de impacto contra o Reino das trevas, como os de autoria do Pr. Jesher Cardoso, Neuza Itioka, Prof. Vicente, dentre outros. Quando a aliança vem de Deus, trás benção e alegria!
BF: Como pode falar para certos grupos cristãos, que dizem que você "viajou" ou inventou a maioria das revelações abordadas em Filho do Fogo I e II?
DM: O que mais me importa é agradar a Deus acima de tudo! Não me preocupo com o que irão pensar os homens. É a fé que irá fazer com que você acredite ou não, e lhe dará discernimento espiritual para entender o significado de muitas questões. Por exemplo, como acreditar que o mar vermelho abriu para que povo de Deus passasse por ele? Como acreditar que Noé construiu uma arca ditada por Deus e que nela foram colocados um casal de cada animal existente, e que ficaram lá por 40 dias e 40 noites? Como acreditar que Lázaro ressuscitou ao comando de Jesus? Como acreditar que Jesus repreendeu a tempestade e ela o obedeceu? Como crer que Jesus curou enfermos, expulsou demônios? Como acreditar que Jesus ressuscitou dentre os mortos? Isso tudo cremos pela fé! Se formos olhar as coisas espirituais com olhos humanos, não vamos crer nem mesmo na Bíblia! Mas ela é real! Porém para entender a Palavra de Deus temos que ter o Espírito Santo, e fé! Se crerdes verás a glória de Deus. Se não crer... Batalha Espiritual é coisa séria. A maior artimanha do inimigo é fazer com que acreditemos que ele não existe.
BF: De acordo com o livro, você relata que os demônios materializavam-se para conversar com você... Alguma vez você acreditou que fosse fruto de sua imaginação?
DM: Mais uma vez, pauto-me na Bíblia. Demônios são anjos caídos. E anjos se materializaram para Abraão, para Ló... E comeram com eles! Foi real! Se crer na palavra de Deus, sabe que isso é possível. Mas não faz parte de nossa realidade cotidiana. Ou seja, isso não acontece no terreiro de macumba da esquina. É uma particularidade da Alta Magia! Agora o que importa, mesmo é crer que Jesus ressuscitou dentre os mortos, é Senhor sobre todo principado e potestade, é o príncipe da paz! Não precisam acreditar que demônios se materializam, mas é fundamental crer que Jesus é o Senhor!
BF: Por que é tão difícil as pessoas enxergarem o mundo espiritual?
DM: Esta pergunta é muito boa! Qual a diferença entre nós e Paulo, Davi, Moisés, Noé, Elias, Gideão? Todos foram homens, humanos. E serviam ao mesmo Deus! Porque estes homens experimentaram o sobrenatural do Pai, e nós não o vemos em nossos dias, se servimos ao mesmo Deus? A diferença é que estes homens conheciam de fato a Deus, amavam a Deus tinham intimidade com Deus! Não viviam uma vida de fachada, mas realmente amavam ao Pai acima de todas as coisas. Hoje, muitos de nós não amamos de fato a Deus, nem temos intimidade com Ele. Oração tem poder, todos sabemos disso, não é? Mas quando somos convocados para participar de uma reunião de oração, não vamos... Poucos aparecem. Mas na festa do sorvete, na igreja, todos vão! Não levantamos na madrugada para orar, mas toda nação acordou de madrugada para ver a copa do mundo pela TV. Não chegamos atrasados no trabalho, mas no culto sim... Não saímos no meio de uma reunião de negócios, mas saímos durante o culto, damos as costas para Deus! Não conversamos durante um concerto musical, mas durante o louvor ficamos batendo papo... Como ter intimidade com Deus assim? Como ver o sobrenatural de Deus se nem o conhecemos? Você só confia em quem conhece, isso gera fé! E fé remove montanhas! Mas se você não conhece... Não tem fé, e não provam do verdadeiro Poder e Glória em Cristo.
BF: Por que tanto mistério no lançamento do novo livro "Guerreiros da luz?"
DM: Não há mistério, apenas contratempos... E lutas, muitas lutas! Acima de tudo tivemos que orar muito para escrevê-lo. Há revelações em Guerreiros da Luz que irão sacudir a igreja, despertando-a para um verdadeiro avivamento. Nada omitimos. Tudo o que sei esta lá! Vamos lançá-lo oficialmente dia 12 de outubro, com um culto especial a Deus na igreja onde congrego a fim de consagrar o livro a Deus e agradecer ao Pai por mais esta vitória! Agora, mais do que nunca vamos precisar das orações do corpo de Cristo sobre nós! Aproveito este espaço para solicitar a toda igreja que orem por nossas vidas, pela nossa proteção, em especial!
BF: Qual sua opinião sobre a "Vampiromania"?
DM: É mais um modismo. Porém claro que isso trás influências, como o caso recente de um garoto que matou o pai com um tiro pensando que ele era um vampiro. Lembro também que estamos perto do dia das bruxas, o 31 de outubro! Estamos perto de eleições... Muitas formas de influencia em massa estão atuando para direcionar comportamentos. Mas isso é algo muito pequeno diante do que realmente esta por trás. Vamos relatar em Guerreiros da Luz, o que tem sido o maior segredo da Irmandade relativo ao controle de massa. Estamos perto do fim, e conseqüentemente isso quer dizer que Jesus esta voltando! Maranata! Mas, Ele vem para buscar sua Noiva, a Noiva Santa, a verdadeira Igreja, forte, unida, santificada. É ora de rever nosso Cristianismo, pois muitos dirão, Senhor, Senhor... E Ele responderá que não nos conhece! É tempo de deixar de louvar a Deus apenas com lábios, mas em vida de fato! É tempo de nos unirmos, formar um verdadeiro exército de Cristo, sem placas denominacionais! Sem divisões! Casa dividida não prevalece. É tempo de guerra! E na guerra o exército não pode ser dividido. Mas tenho visto muitos crentes que pautam suas vidas em acusar e a difamar seus irmãos na fé. Estas não farão parte da Noiva. E vão ver o Anticristo face a face... E invejarão os mortos. O que esta por vir, é terrível, uma dor e luta sem precedentes na história. Mas também a unção do alto, o Poder de Deus será derramado sem precedentes na história. Podemos fazer parte desta história como soldados de Cristo. Deus toca Sua trombeta! Acorda ó tu que dormes! Desperta minha Igreja! Eu estou voltando para buscá-la!
BF: Na sua opinião, porque atualmente fala-se tanto em vampiro ou até em feitiçaria?
DM: Não é apenas sobre isso que se fala... Há jogos de induzem a violência, há filmes que induzem o sexo, há literaturas que induzem a bruxaria... São formas de manipulação de massas. Que estão sendo usadas para mudar o caráter, a personalidade de gerações, a fim de que todos estejam preparados para a vinda do Anticristo. Um conselho prudente: ao levantar-se ore a Deus, peça que o Pai lhe coloque filtros espirituais em seus olhos e ouvidos, para que sua mente retenha o que é bom, e descarte todo o lixo que vêm jogando nela. Sua oração tem poder!
BF: Hoje, o Satanismo pode estar tentando controlar o mundo, como começou a descrever em seu livro?
DM: Ela está controlando o mundo! Isso é fato! Porém lembro que as portas do inferno não prevalecerão contra igreja. Mas falo da Igreja Santificada, séria. Não a corrupta, com falsas alianças, com doutrinas humanas. Esta será também infectada pelo inferno, e sofrerá as conseqüências disso.
BF: Como é seu dia a dia, hoje?
DM: Nos últimos meses ficamos quase que confinados em casa para terminar Guerreiros da Luz. Agora são os preparativos finais.
Estamos sempre procurando aprimorar nossos seminários, pois fazemos para Deus! Dedicamos boa parte de nosso tempo em pesquisas e estudos visando este objetivo. Também respondo os e-mails que chegam em nossa caixa de correio eletrônico. Mais de 100 por dia! Agora há um casal que está nos ajudando na triagem, o André e a Karin. Eles respondem as perguntas mais freqüentes, como quando sai Guerreiros da Luz, aonde será o próximo seminário, como proceder para nos convidar para ministrar em igrejas etc. Perguntas mais específicas são passadas para mim. E eu as respondo. Nos fins de semana viajamos para ministrar seminários pelo Brasil. Temos visto muito do Poder e Glória de Deus nestes encontros. Muitos têm sido despertados para a Guerra, e forjados como soldados de Cristo! Deus está levantando Seu exército. O inferno terá uma grande surpresa!
Porém, ultimamente temos tido pouco tempo para lazer... Precisamos muito disso, pois escrever Guerreiros da Luz, nos deixou esgotados! Tivemos que lembrar de coisas que preferíamos ter esquecido... Estamos pedindo ao Pai a provisão necessária para tirarmos alguns dias de descanso, nos renovar! Talvez depois do lançamento. Mas quem sabe é Deus! Nosso maior prazer é servi-lo!
BF: Como foram os últimos atentados, do qual recebeu?
DM: Nem gosto de falar sobre isso... O último que fizeram deixou ainda traumas na alma. Está descrito em Guerreiros da Luz. Mas no momento sinto que eles mudaram de estratégia. Antes queriam mesmo nos matar. Agora, a intenção é outra. Se eu morresse seria algo como um mártir, avaliam eles! Mas se eu cair... Muitos que nos vêem como um referencial, seriam decepcionados e poderiam ter sua fé abalada, bem como os ministério que nos apóiam. Procuro viver sempre nas veredas da Justiça de Deus. Não tenho ainda autoridade para fazer minhas as palavras de Paulo "Sejam meus imitadores como eu sou de Cristo", mas caminho em direção ao alvo! A Palavra já é sábia em dizer que aquele que em pé olhe para que não caia. O dia em que Daniel ou Isabela acharem que são alguma coisa... entra o orgulho na alma... e este precede a queda. Esta é a área de minha vida que mais vigio. Não permito que tirem fotos minhas em seminário, pois não sou "astro". A estrela que deve brilhar sempre é Jesus! Isso tem me feito recusar muitos convites, que focam no homem a glória. Sei que eles farão de tudo para me fazer desacreditado, para nos derrubarem ministerialmente. Já tentaram diversas vezes. Temos sido vitoriosos em Cristo. Pois maior é O que está em nós do que o que está no mundo! Peço aos meus irmãos na fé, que orem por nós neste sentido também! Muito pode o justo na sua súplica!
BF: Você sentiu medo, da Irmandade fazer alguma coisa com você ou sua esposa?
DM: Sim. Sou humano! Pedro sentiu medo, Elias teve medo, Davi teve medo. Não é errado ter medo, o errado é viver no medo. Há momentos em que nossa alma fica ferida, sensível, nos abatemos. Nestas horas nossas alianças, nosso amigos fazem toda a diferença, e acima disso o conforto da Palavra de Deus e Suas promessas. São momentos, passam. Mas em momento algum me arrependi de servir a Deus. É um privilégio servir ao Pai, fazer parte desta família! É maravilhoso receber e-mails de meus irmãos, saber que se preocupam conosco. Passamos por um momento difícil, que ainda estamos passando, mas está no fim... E muitos vasos foram tocados por Deus para nos ajudarem, pessoas que nunca vi, que não conheci pessoalmente. Irmãos e irmãs dos Estados Unidos, do Japão, da Espanha, irmãos no Brasil... Que oraram por nós, que ofertaram, que trouxeram palavras de carinho a conforto. Isso não tem preço! Esta aliança com Deus e Seu povo é maravilhosa! Quem não tem... Não sabe o que esta perdendo!
 http://www.tabernaculonet.com.br/luz.php?facho=t00492


Daniel Mastral: A outra face do guerreiro
O grande e renomado escritor inglês C. S. Lewis certa vez afirmou: "Acredito que não se pode estudar os homens. Pode-se apenas conhecê-los, o que é uma coisa bem diferente". Tais palavras parecem ser apropriadas para Daniel Mastral. E é o que se pode se dizer dele. Embora muito já tenha sido revelado a seu respeito não só em suas obras escritas até agora como também em vários seminários que já deu pelo país afora como também em inúmeras matérias, reportagens e entrevistas - essa com certeza não é a primeira nem tampouco a última - tudo não passa de apenas um vislumbre ou uma sombra do que realmente ele é. Não que tudo que se falou ou escreveu até agora seja mentira ou uma farsa (há quem acredite que seja) - mesmo sabendo que nem tudo o que circula por aí pelas más línguas é verdade - mas porque pessoas não são feitas para serem estudadas, e sim, para serem conhecidas.
Nessa entrevista que concedeu ao Lagoinha.com Daniel Mastral abre seu coração e fala de sua vida, intimidade, o que faz e gosta de fazer quando não está ministrando em seminários, respondendo e-mails ou aconselhando. Diz também como seriam as coisas caso não estivesse escrito seu primeiro livro, o que mais entristece e o alegra no ministério e como se sente em meio ao reconhecimento - e repulsa - de muitos. Desde que ouvira o Evangelho pela primeira vez e se convertera, muita coisa mudou em sua vida. Contudo, quando resolveu sair do anonimato e trazer a público tudo o que viu e viveu, a reviravolta foi maior ainda. Não só ouviu e recebeu elogios, incentivos e testemunhos, como também teve de lidar com a calúnia, difamação e a acusação de muitos. Se por um lado conquistou a simpatia e o carisma de uns - ganhou novos amigos e irmãos -, por outro acabou também atraindo a ira, a revolta e a inimizade de outros. É e tem sido assim até hoje. Talvez por isso é que tenha escrito nas primeiras páginas de seu primeiro livro Filho do Fogo: "Dedicamos esse livro aos poucos que realmente permaneceram ao nosso lado". E agora mal acabara de sair do prelo, seu novo e recente livro - escrito em dois volumes e intitulado Guerreiros da Luz - também já está lhe rendendo comentários e resultados. E como era de se esperar, não só para melhor como para pior. Talvez por isso é que também tenha escrito em sua dedicatória: "Àqueles que merecem honra". Se de fato os homens não são para serem estudados, e, sim conhecidos, espero que a presente matéria cumpra com essa meta: revelar quem, de fato, é Daniel Mastral (esse não é seu nome verdadeiro, claro, mas um pseudônimo, por questão de segurança). O que se quer aqui é trazer à tona a outra face (que não é oculta) do guerreiro: o guerreiro da Luz.
Lagoinha.com: O que mudou em sua vida após a conversão em relação à sua rotina pessoal e familiar?
Daniel: Muita coisa! Quando aceitamos o chamado de Deus, temos também que aceitar o Seu treinamento e nos permitir sermos forjados pelas mãos do Pai! Perdi muitos amigos, pessoas que temeram sofrer "ataques". Mas entendo que Deus selecionou os Seus valentes para permanecerem ao nosso lado. Passamos a sofrer muitas perseguições. Tivemos lutas que, se não fosse a mão do Senhor, não teríamos sobrevivido. Isso tudo será relatado em Guerreiros da Luz com detalhes. É o processo do treinamento. Não há como ser guerreiro sem passar pelo treinamento. E isso muda nossa vida, nossa forma de pensar, de agir. Tudo o que Deus for usar, Ele primeiro santifica. Para ser usado como vaso de honra, é necessário passarmos por uma transformação! É um privilégio servir a Deus!
Lagoinha.com: Como acha que seriam as coisas caso não tivesse escrito seus livros, viajando ou ministrando em seminários?
Daniel: Antes de escrever Filho do Fogo, tinha uma vida secular. Trabalhava numa multinacional. Era analista econômico financeiro, e Isabela atuava como médica. Vivíamos bem. Quando recebemos o chamado ministerial, tivemos muito medo, confesso. Medo das conseqüências, que certamente viriam. Fomos teimosos, a princípio. Mas Deus, em Seu amor, esperou-nos até que sentíssemos plena paz. Sabíamos que, ao aceitar o chamado, não haveria mais como voltar atrás. Hoje, apesar das lutas, dos poucos amigos, das dificuldades, financeiras inclusive, vivemos literalmente pela fé, ora com o suficiente, ora com um pouco a mais, ora sem nada, dependendo do maná. Ora com a geladeira cheia, ora com ela vazia. Sabemos que tudo está no controle de Deus. Aprendemos a confiar Nele acima de tudo! E nada de importante tem nos faltado. A alegria de ver o poder de Deus, de ver as vidas sendo restauradas, curadas, renovadas pela Palavra... Isso não tem preço! É maravilhoso fazer parte da família de Deus. Não me vejo fazendo outra coisa. Estamos muito felizes com a vida que temos, pois Deus é conosco! O maior sentido de nossas vidas é agradar a Deus e estar no centro de Sua vontade!
Lagoinha.com: Desde que se tornou conhecido, até que ponto tem conseguido manter a privacidade? Ou não tem sido possível?
Daniel: Procuramos, claro, manter nossa privacidade dentro do possível. Procuro sempre deixar claro que Daniel e Isabela não têm "super poderes". A oração tem poder! Todos nós temos o canal aberto com o Pai, como Seus filhos! Creio que o povo de Deus tem entendido isso. Não somos "astros", mas filhos de Deus como os demais!
Lagoinha.com: O que costuma fazer quando não está viajando, ministrando em seminários, aconselhando ou respondendo e-mails?
Daniel: Estudo e leio muito, sempre visando o aprimoramento de nosso trabalho ministerial, pois fazemos para Deus. E Ele merece sempre o melhor! Fora isso, faço ginástica na academia pelo menos três vezes por semana, saímos para tomar um café no Shopping, almoçar fora, ou ficar em casa e assistir um bom filme de vídeo com pipoca e refrigerante, brincar com nossos animais etc. O Mel, nosso cão, adora brincar de esconde-esconde! Visitamos a família, encontro com meus amigos para conversar. Tenho um carinho especial por alguns amigos que Deus tem colocado em minha vida. O Bira, o Clóvis, o Carlão, o Milton, o André são amigos especiais. Sou muito grato a Deus por estas preciosas vidas!
Lagoinha.com: Quantos e-mails recebe diária, semanal ou mensalmente e como faz para respondê-los? Que tipo de informações ou dúvidas mais comuns que o sr. recebe?
Daniel: Recebo mais de 100 e-mails por dia! Antes respondia tudo sozinho. Mas havia ocasiões em que eu não tinha como abrir a caixa todos os dias, e aí lotava. Os excedentes eram automaticamente deletados. Então pedi ajuda! Hoje um casal amigo tem nos auxiliado, respondendo as perguntas mais comuns como "Quando sai Guerreiros da Luz ?", "Como fazer para convidá-los para ministrar um seminário?", "Qual a data do próximo seminário?". Coisas assim. As perguntas de cunho pessoal ou de ordem teológica eu mesmo respondo.
Lagoinha.com: Que tipo de e-mail já recebeu que mais o enfureceu, o entristeceu, o alegrou e o deixou preocupado?
Daniel: A esmagadora maioria dos e-mails é de irmãos que compartilham conosco como foram edificados com a leitura deFilho do Fogo e Táticas de Guerra. São inúmeras histórias, todas lindas! Mas o que mais de deixou feliz foi o e-mail de um bruxo que leu nosso livro na intenção de aprender mais sobre "magia". Pensou que eu iria "ensinar" grandes feitiços! O resultado: ele se converteu a Jesus! Freqüenta uma igreja que indiquei e é um crente fervoroso! Isso é muito gratificante! Recebo também muitas palavras de incentivo, o que é um bálsamo. O que mais me irrita (nem sei se esta é a palavra, mas me deixa magoado) é quando alguém que não leu o livro, mas ouviu falar algo, simplesmente repete, sem conhecer, e nos julgam precipitadamente, alegando que eu ainda sou satanista! Sei que até Jesus foi acusado de ter parte com Belzebú, e não somos maiores do que o Mestre. Mas isso me deixa triste. Se soubessem o que já passamos, não diriam isso! Em Guerreiros da Luz saberão um pouco mais do que foi esta história.
Lagoinha.com: Os pastores também lhe mandam e-mails? Geralmente o que querem?
Daniel: Sim. Muitos, a maioria, escreve que o livro foi um divisor de águas em sua vida, que tem aumentado sua vida de intimidade com Deus, despertando para a guerra etc. Mas também há muitas confissões de pecados. Líderes com problemas de adultério, homossexualismo, corrupção vêm até nós em busca de ajuda, de libertação! E Deus tem feito maravilhas neste sentido, restaurando muitas vidas que antes estavam cativas pelo inferno, vivendo uma fachada. Claro, há também os convites para seminários que vêm dos líderes.
Lagoinha.com: Tem idéia de quantas entrevistas já deu para sites ou revistas evangélicos? Que mais querem saber: sobre sua vida pessoal ou ministerial? Como reage a essas entrevistas?
Daniel: Não tenho idéia, não. Já dei entrevistas para jornais, revistas, rádios, sites, etc. Mas não sei ao certo quantas foram. Querem saber de tudo! (risos). Vejo isso como algo natural, e como uma boa oportunidade de levar a Palavra de Deus às vidas. Recebo muitos e-mails de pessoas que tiveram suas vidas transformadas simplesmente ao ler um trecho de uma de nossas entrevistas! Não por causa da capacidade do Daniel, mas pelo poder do Espírito Santo que habita o Daniel. A unção vem de Deus, e Daniel é o canal, o vaso de barro, tão somente.
Lagoinha.com: O sr. tem algum cargo ou ministério na igreja onde congrega? Como faz para exercê-lo?
Daniel: Sou um missionário. Não tenho cargo na igreja onde congrego, uma vez que não haveria como exercê-lo devido a nossas constantes viagens. Ali, sou uma ovelha, que vai a igreja para receber a Palavra, louvar a Deus, ver meus irmãos, aprender mais!
Lagoinha.com: Que tipo de literatura mais lhe agrada além da Bíblia e qual livro jamais leria?
Daniel: Gostei dos livros do Rick Joyner, do pastor Jesher Cardoso, da pastora Neuza Itioka, do pastor Ubirajara Crespo, do professor Vicente, de toda a séria Deixados para Trás etc. O assunto que jamais leria é sobre romances do tipo Sidney Sheldon, coisas assim.
Lagoinha.com: O sr. lê também algum livro de autor não cristão?
Daniel: Claro! Gosto muito de livros de história antiga, de astronomia e de fisiologia. São meus temas prediletos. Aprecio muito também zoologia. Adoro animais!
Lagoinha.com: Já foi ao cinema alguma vez? Quando? Que filme assistiu e o que achou?
Daniel: Há alguns anos atrás eu era mais assíduo no cinema. Agora com o vídeo cassete e o DVD, julgo melhor assistir em casa mesmo. É mais gostoso, vejo a hora que quero, com tranqüilidade, sem os burburinhos tão comuns nas salas de cinema. Procuro selecionar o que vejo, claro. E filtrar as informações. Assisti o desenho O Príncipe do Egito. Foi ótimo! Assisti também comédias como Uma Babá Quase Perfeita, Esqueça Paris etc.
Lagoinha.com: Seja na literatura ou no cinema, qual gênero mais o satisfaz: drama, comédia, suspense, ficção, documentário?
Daniel: Adoro comédias e documentários! Assisto a quase tudo que passa no canal Discovery.
Lagoinha.com: Quando em lazer ou descanso, o que mais faz ou gosta de fazer? E qual seu hobbie preferido?
Daniel: Sou caseiro! Gosto de brincar com meus animais e fazer pequenos passeios com minha esposa. Estou tentando ser um cozinheiro! Mas até agora não tive bom sucesso. Mas já sei fazer arroz, macarrão, ovo frito e suco de laranja! (risos) Meu hobbie preferido é praticar esporte! Adoro fazer exercícios! Parei com a arte marcial por uma direção de Deus em minha vida. Mas nunca abandonei a prática esportiva. Corro oito quilômetros na esteira três a quatro vezes por semana. Faço musculação leve e alongamento e depois pego uma sauna para relaxar. Saio da academia renovado e com muita fome! Quanto paro com este ritmo, engordo facilmente!
Lagoinha.com: Mudou alguma coisa em seu ministério depois que casou? O que?
Daniel: Antes de casar, eu não estava engajado no Ministério. O ministério veio depois do casamento. Deus queria antes unir-nos, para depois nos usar como um só! Isabela é uma grande auxiliadora neste trabalho e peça fundamental neste ministério. Já estamos casados há três anos e meio!
Lagoinha.com: Já foi ao supermercado alguma vez? O que achou da experiência?
Daniel: Claro! Tenho que ir toda semana, pois nunca temos o suficiente para uma compra maior. Deus nos manda a provisão necessária para cada dia. Agora, ir ao supermercado não é dos meus programas prediletos. Isabela adora! Para ela é um passeio. Para mim um dever.
Lagoinha.com: Quando foi ao shopping pela última vez e o que achou?
Daniel: É comum eu e Isabela darmos um volta nos Shoppings de São Paulo. É uma "terapia". Andar, tomar um café, fuçar nas livrarias, sentar para conversar... Mas procuramos fazer isso durante a semana. É mais tranqüilo. Às vezes almoçamos ou jantamos em um restaurante. Como diz o ditado popular: " Shopping é a praia do paulista"!
Lagoinha.com: Quando em lugares públicos como restaurantes, shoppings, pizzarias, supermercado ou qualquer outro lugar, se sente seguro? Como as pessoas reagem quando lhe vê e como o sr. também lida com a situação?
Daniel: Sim! Sentimo-nos seguros, pois quem nos guarda é o Senhor dos Exércitos! Já me ofereceram escolta armada, mas não me sentiria bem tendo o tempo todo ao meu lado seguranças. Nos seminários é diferente. Tenho que tomar medidas de prudência e sempre há um grupo de policiais no local, à paisana. Mas no dia-a-dia isso não é necessário. Como não divulgamos nossa imagem (fotos), não somos abordados com muita freqüência. Quando acontece de alguém nos ver, cumprimentamos, ouvimos, conversamos, aconselhamos, agimos normalmente. Afinal, são nossos irmãos! Quanto às fotos, orientamos as igrejas e avisamos de púlpito. Se alguém o faz é em rebelião à autoridade. Mas até o momento não tivemos este tipo de problema. É claro que às vezes alguém bate uma foto. Até filmagem já foi feita, mas isso não foi divulgado. Pelo menos, por ora.
Lagoinha.com: O que faz ou costuma fazer quando está em férias além de descansar?
Daniel: Férias... Faz tempo que não tiramos férias de verdade. Quando temos tempo livre, não temos provisão para fazer algo diferente. Temos pedido a Deus um momento de refrigério especial, pois escrever Guerreiros da Luz nos tomou mais de três anos! Estamos realmente esgotados! Precisamos tirar uns dias e viajar para um local tranqüilo, renovar nossas forças. Esperamos em Cristo, que neste fim de ano seja assim. E o Pai que tudo sabe e vê, certamente atenderá o desejo de nossos corações! Quem sabe podemos voltar a Gramado? Estivemos lá para ministrar um Seminário há cerca de dois anos. O lugar é lindo! Mas mal tivemos tempo para nada. Fomos com um propósito que era ministrar a Palavra de Deus. Mas gostaríamos de voltar lá e passar uns dias sem pressa. Quem sabe neste fim de ano? Estamos na expectativa.
Lagoinha.com: O que mais gosta de comer? Algum prato típico lhe agrada? Qual?
Daniel: Típico? Pizza com coca cola! Ainda é minha refeição predileta!
Lagoinha.com: No ministério ou fora dele o que mais lhe agrada e o que mais lhe entristece? Por quê?
Daniel: O que mais agrada é ver as vidas sendo restauradas e observar que nosso Deus é tremendo, é o mesmo de ontem, de hoje e de sempre! Seu poder, Seu amor e Sua glória continuam mudando vidas, resgatando almas das trevas, trazendo consolo, abrigo, paz e luz ao mundo! O que mais me entristece é ver que muitos de meus antigos amigos ainda estão na escuridão. Ainda estão lá, no engano! Quando ligo a TV e vejo alguém conhecido ou lembro-me de alguém que ficou lá, perdido, isso me entristece muito. Gostaria muito que Marlon, Thalya, Rúbia, Gorgo etc. tivessem um encontro com Jesus! Também me entristece ver tanta fome em nosso país, tanta gente sofrendo. Queria que Jesus voltasse logo! Nas igrejas vemos ainda muita corrupção, alianças sujas com políticos do mundo. Isso tem ferido muito o coração de Deus. Clamo ao Senhor que coloque Seus filhos em cargos de liderança para que levem ao povo não só a Palavra de Deus, mas também a Justiça de Deus! Votei no Garotinho. Desta vez não deu, mas creio que ele será, de fato, o Davi do Século 21, o homem que Deus levantará para restaurar fé em nossa nação, trazendo mais justiça, abrindo portas para que a Igreja de Cristo tenha cada vez mais condições de cumprir seu propósito maior! Ser sal e luz, temperar a nação com amor de Cristo e continuar saqueando o inferno, oferecendo resistência às obras das trevas, como soldados de Cristo!
Lagoinha.com: Por estar sempre lidando com um tema como a batalha espiritual, que gera muita curiosidade, especulação e até misticismo, que imagem as pessoas costumam ter do senhor, especialmente após ler seus livros? Será que eles o vêem como uma espécie de "caça-fantasmas" espiritual?
Daniel: Não é isso que espelha os e-mails e as cartas que recebo diariamente. Os livros têm despertado o povo de Deus para a realidade da guerra espiritual, e transformado vidas. Mas, claro, nem todos terão a mesma opinião, nem todos terão o mesmo chamado. Mas todos fazemos parte do mesmo Corpo de Cristo. Cada um com seu dom, seu ministério, seu chamado. Não importa que vejam ou pensem diferentes, o que importa é que sejamos unidos, pois casa dividida não prevalece. O diabo sabe disso! Todos têm importância para o Corpo: os evangelistas, os levitas, os mestres, os profetas. Todos! Não existe o maior ou o menor. Todos somos importantes!
Lagoinha.com: Como as pessoas reagem ou têm reagido quando o conhecem pessoalmente?
Daniel: Não acontece nada de mais! Olham, cumprimentam, falam do livro, e só! Não somos "estrelas". Somos filhos de Deus, e dependemos do Espírito Santo como todo filho do Pai! Um encontro com um irmão na fé é um encontro comum. Só isso!
Lagoinha.com: Muitos, ao entrarem na batalha espiritual ou nesse ministério e até mesmo no de libertação e cura interior, se sentem e agem como justiceiros ou heróis solitários, se colocando acima do bem e do mal, como se tivessem a palavra final. Já foi tentado alguma vez a se sentir ou agir assim? As pessoas que pouco o conhecem chegam a pensar que o sr. é um herói solitário, dadas as batalhas, perseguições e lutas que enfrenta? O que diz a respeito de tudo isso?
Daniel: Mais uma vez ressalto: nada temos de "especial". Infelizmente algumas pessoas agem assim mesmo, se colocando acima de todos, como se Deus só falasse com elas! Isso é um absurdo! É orgulho, e orgulho precede a queda! O dia em que Daniel ou Isabela acharem que são algo, caímos! É a área que mais vigiamos. Em Guerreiros da Luz , procuramos deixar isso muito claro, confessando nossos pecados, nossas falhas. O erro faz parte do acerto. Só vencemos as lutas até aqui porque Deus é maior, e Ele tem nos guardado. Daniel não é "herói". Daniel é humano, que chora, sente dor, medo, e depende da graça de Deus na sua vida, sempre!
Lagoinha.com: Como se sente em meio ao grande reconhecimento do público, principalmente evangélico? Isso te incomoda? Como lida com a situação?
Daniel: O reconhecimento é algo positivo, pois vemos que as sementes têm caído em solo fértil. Nisso louvamos a Deus! Mas a glória é de Deus! Quando tentam colocar a glória para o Daniel, isso me incomoda, e muito!
Lagoinha.com: Que planos têm em relação a filhos? Quando pretende tê-los e por que não os teve ainda?
Daniel: Tudo vem no tempo de Deus. Por um tempo tivemos receio de ter filhos por causa das ameaças que sofremos e de toda a perseguição, além dos atentados que Deus já nos livrou! Como o tempo nossa fé foi sendo fortalecida e quanto mais conhecemos a Deus, mais convivemos com Ele, mais O amamos e confiamos em Sua proteção. Hoje ter um filho já faz parte de nossa vida, e logo teremos mais um membro da família Mastral!
Lagoinha.com: Uma palavra final acerca de seu ministério, família e vida pessoal. Como avalia tudo o que tem ocorrido até agora e qual seu maior anseio e expectativa?
Daniel: Estamos nas mãos de Deus. Nossa vida, nossos sentimentos, nossas expectativas, nosso ministério, tudo pertence ao Pai. Não sei aonde vou estar no próximo ano. Não sei onde vou morar, mas tenho a certeza de uma coisa: nunca vou me afastar do Criador! Ele nos conduzirá pelas Suas veredas, e Seu caminho é bom! O meu maior medo é sair deste caminho, sair do centro da vontade de Deus. Não sei como será a repercussão de nosso novo livro (Guerreiros da Luz ), pois escrevemos tudo o que sabemos. Revelamos os segredos maiores da Irmandade, que até o presente Deus não tinha permitido revelar. Confessamos nossos pecados, contamos como foi nosso treinamento, contamos como foi nosso deserto. E também as experiências com Deus, com Seu sobrenatural, com Sua proteção contra tantos e tantos ataques e atentados contra nossas vidas, como foi o processo de libertação em minha vida, longo e doloroso. Sei que certas coisas vão abalar as estruturas de alguns, vão despertar mais vidas para Jesus, mas também vão sacudir o inferno. Não sei quanto tempo temos, quantos anos Deus tem para nossas vidas, mas posso dizer que quando Jesus nos chamar, poderei dizer a Ele: "Pai, combati o com combate, acabei a carreira, guardei a fé". É isso que quero poder dizer a Jesus quando estiver face a face com Ele na glória! Orem por nós, pela nossa proteção, acima de tudo! E mais uma vez aproveito o ensejo para agradecer as orações, ao carinho a ao amor que temos recebido do povo de Deus! É maravilho poder chamá-los de irmãos!
 http://www.tabernaculonet.com.br/luz.php?facho=t00493


Daniel Mastral: O QG da batalha

Ministrados sempre sob muita oração e estratégias, os seminários realizados por Daniel Mastral são mais que um estudo. É o Quartel General da guerra.

Quem nunca teve a oportunidade de participar dos seminários ministrados por Daniel Mastral (autor dos livros Filho do Fogo eGuerreiros da Luz), e está prestes a fazê-lo, dificilmente consegue disfarçar não só sua ansiedade como também suas expectativas. A primeira delas talvez seja a de saber como ele é, de fato - sua aparência, seu jeito de falar e de se vestir - já que nunca divulgou sua imagem e nem jamais permitiu tal ato, por questão de segurança, embora muitos arrisquem a fazê-lo.
Superada essa primeira expectativa, na maioria das vezes irreal, exagerada e até fantasiosa, uma segunda ainda precisa ser vencida: a de saber como vão ser as coisas, o que vai ser dito e mostrado e como cada um vai reagir. O exagero nessa questão é também tão grande que há quem pense que na hora do evento, Daniel entrará no local de forma triunfal e ao som Vivaldi, Bethoven ou Mozart, envolto ainda numa densa nuvem branca, coisas de filmes de ficção científica ou futurísticos.
Transposto isso, resta ainda uma última expectativa a ser superada: a de saber como tudo vai terminar e que resultados haverá na vida de cada um dali para frente. Afinal, não é todo o dia que se ouve ou se tem a chance de participar de evento como esses, onde é abordado um tema nada agradável para muitos, já que gera especulações e misticismo: o da batalha espiritual.
A fim de desmistificar o assunto - os seminários que ministra pelo país afora - o Lagoinha.com foi conversar com o próprio Daniel Mastral. Nessa entrevista que nos concedeu, ele fala do preparo espiritual e da organização necessários para o evento, das lutas que enfrenta, da reação do público e dos resultados obtidos após a realização dos mesmos. O mais recente (mas não o primeiro) após o lançamento de seu mais novo livro (Guerreiros da Luz) aconteceu em meados de novembro [2002], e foi o último desse ano. A julgar pelos comentários dos participantes antes, durante e após o evento, dá para perceber que os resultados são visíveis e claros. Não porque seja por mérito ou esforço próprios, conforme assegura Daniel, mas porque a atração maior é Deus, e por que quem opera é Ele, como sempre afirma cada vez que ministra.
Se considerarmos que o assunto abordado é sempre a batalha espiritual, podemos afirmar sem medo ou sombra de dúvidas que o seminário é o Quartel General, e que os participantes são os soldados, os combatentes. Assim sendo, o treinamento já começou. Vence a guerra não aquele que julga ser o mais forte ou valente, mas aquele que tem a disciplina, o discernimento e as táticas certas. Porque as armas dessa batalha jamais são carnais ou naturais, mas espirituais. E o inimigo está muitas vezes onde ninguém imagina.
Lagoinha.com: Qual é a sua expectativa em relação a cada seminário que ministra nas igrejas e o que mais deseja que aconteça?
Daniel: Cada seminário é um novo desafio, pois vamos falar em igrejas diferentes, e para pessoas diferentes. Oramos muito, nos consagramos a Deus, para que o Pai nos use como vasos de honra e que a unção e autoridade se manifeste sobre o povo, levando-os a ter um novo compromisso com Deus! Cada seminário também tem uma unção própria, algo de novo! Nunca é repetitivo! Deus não se repete. Mas há os que marcam, pois houve vezes em que a unção no local era quase que palpável... Isso é fruto das orações e empenho da igreja em buscar agradar a Deus acima de tudo!
Lagoinha.com: Como se dá o preparo não só espiritual mas também em relação à organização?
Daniel: O preparo espiritual é o mais importante, tanto de nossa parte como da
igreja que sediará o evento. Pedimos que haja "Relógio de Oração" por 40 dias antes, para gerar no reino do Espírito algo novo para a igreja. Também há toda a parte de divulgação, que não pode ser de forma alguma marqueteira, como quem anuncia um show ou uma estrela (pois não somos isso). É tremendo ver que igrejas pequenas e simples tem sediado os melhores seminários, pois trataram com muito zelo cada item de nossa carta, que tem como objetivo oferecer a Deus, à Sua Igreja, o melhor. Temos mais de 60 transparências, vários pequenos filmes, amostras de músicas com mensagem subliminar etc., além do material apostilado que oferecemos aos participantes. Na verdade, um pequeno livro com 80 páginas, colorido e ilustrado, que complementa o que falamos no curso. Procuramos sempre aprimorar este material, pois fazemos para Deus, e Ele merece o melhor. Quanto mais recursos audiovisual tivermos, maior será o aproveitamento. Esperamos em breve ter um aparelho multimídia com data show, o que vai nos auxiliar ainda mais neste sentido.
Lagoinha.com: Qual foi o seminário que considerou o mais difícil em relação à própria ministração e também aos obstáculos que teve de enfrentar?
Daniel: Difícil de dizer. Não vou citar nem a cidade para não expor nossos
irmãos, mas houve uma ocasião em que a igreja não cumpriu com o "Relógio de Oração"! Acharam que não precisava! Fizeram uma divulgação sensacionalista e ainda por cima recolheram oferta em nosso nome e não nos pagaram. Também não nos pagaram as despesas de viagem. Foi terrível. As sementes foram roubadas, a Palavra não foi absorvida, o povo estava desinteressado, havia opressão no ar. Apenas algumas sementes caíram em solo fértil neste dia, em algumas vidas. Este foi, sem dúvida, um dos mais difíceis seminários que já ministramos.
Lagoinha.com: Já presenciou algum incidente ou algum fato curioso, quer para melhor (como bênçãos) ou para pior (contra a sua vida)?
Daniel: Uma vez recebi um atentado a faca em um seminário. Isso nos fez tomar
medidas de prudência mais adequadas. Antes eu ficava com o povo, conversava, orava, compartilhava. Mas agora, infelizmente, não posso mais agir assim. Faz parte do preço! Benção?! Vemos em cada seminário, sempre com algo diferente! Mas algo que de fato me marcou foi um seminário em que, no final, o pastor virou para mim e disse: "Deus me pede que eu te dê um abraço". Ele abraçou-me de uma forma tão intensa e amorosa que não foi possível conter as lágrimas. Neste dia, o pastor também recolheu uma oferta para nosso
ministério. Ele não sabia, mas Deus sabia. Estávamos em grandes dificuldades. Foi um momento lindo. Toda a igreja estava quebrantada, havia uma unção de amor tremenda no ar. O seminário que deveria terminar às dez da noite, encerrou-se mais de uma da madrugada do dia seguinte, com muito louvor, choro, restauração, amor, visitasão de Deus! Foi um dos momentos em que mais senti a glória de Deus!
Lagoinha.com: Tem percebido algum progresso (ou não) nas igrejas desde que passou a ministrar em seminários? Quais progressos?
Daniel: Sempre! Muitas igrejas me enviam e-mails depois dos seminários,
compartilhando como foi seu crescimento depois que receberam de Deus a Palavra. Igrejas que estavam prestes a se dividir, ficaram mais unidas; pastores que estavam no adultério se reconciliaram com a família; iniciaram reuniões de oração com mais força; grupos de intercessão foram formados; pessoas passaram por libertações, ministrações. A igreja foi despertada para um novo compromisso com o Pai. Tem sido uma benção ver estes frutos! O
inferno terá uma grande surpresa. Deus está recrutando um grande e forte exército. A trombeta está sendo tocada!
Lagoinha.com: Já chegou a interromper e/ou cancelar algum seminário? Por que motivo e porque isso acontece?
Daniel: Muitas vezes! Sempre que a glória de Deus é direcionada ao homem, não posso aceitar. Ou quando me fazem propostas puramente comerciais. Não comercializamos a fé! Servimos a Deus, não aos homens.
Lagoinha.com: Houve alguma diferença nos primeiros seminários, quando lançou Filho do Fogo, em relação ao que ministrou ou vai ministrar após o lançamento de Guerreiros da Luz? O que mudou? Alguma estratégia nova?
Daniel: Mudou, claro! Como já disse, sempre estamos procurando aprimorar nosso trabalho, pois fazemos para o Rei dos reis! Filho do Fogo relata a história do Daniel no engano e sua libertação. Guerreiros da Luz relata o aprendizado do Daniel pelas veredas da Justiça de Deus. Caindo, errando, acertando, levantando, aprendendo! Em Táticas de Guerra nós colocamos de forma didática o que foi aprendido. O seminário reflete tudo isso junto!
Lagoinha.com: Que respostas têm obtido por parte do público desde que lançou Guerreiros da Luz tanto positiva como negativamente?
Daniel: Ainda é cedo para termos um panorama da repercussão do livro. Mas posso dizer que, de forma inédita, a edição praticamente esgotou trinta dias depois do lançamento! Foi algo tremendo! Os e-mails que tenho recebido têm refletido de forma mu
http://www.tabernaculonet.com.br/luz.php?facho=t00494
ito positiva os resultados. Mais vidas têm aprendido a combater o bom combate. Tem trazido muita edificação ao povo de Deus, pois demonstramos com nosso próprio testemunho que nosso Deus é maior do que os poderes do inferno!
Lagoinha.com: O que tem agendado para esse e para o próximo ano? Algum novo seminário ou novo projeto?
Daniel: Para este ano ainda vamos participar de um Congresso em São Paulo,
intitulado "I Congresso Geração de Josué". Haverá vários preletores, dentre eles a pastora Neuza Itioka. Falaremos no sábado à noite, dia 14 de dezembro. Temos agendado algumas visitas em igrejas, mas apenas para uma breve Palavra. No próximo ano [2003] já temos agenda quase tomada para o primeiro semestre. No segundo semestre pretendemos já ter pronto um seminário um novo nível (nível II). Mas, para isso, ainda há muito o que orar e estudar.
Lagoinha.com: De tudo o que tem sido falado até agora, não só em seminários mas também em relação aos livros e entrevistas, o que mais gostaria de deixar claro para o público evangélico?
Daniel: Que nunca, jamais, olhem para os homens. Fixem seus olhos em Jesus! A glória pertence a Deus! Daniel e Isabela são vasos de barro! Às vezes fico chateado ao ver que alguns irmãos nos vêem como seres superiores e vêm nos tocar para receber a unção. Dependemos de Deus e do Espírito Santo como todo crente! É uma grande alegria ter o reconhecimento do público, o carinho dos leitores, e ver que muitos fazem longas viagens para participarem de nossos seminários. Isso tudo é bom! Mas jamais isso deve roubar a glória do Pai. Jesus é o Senhor! E Daniel o servo!
 http://www.tabernaculonet.com.br/luz.php?facho=t00494

8 comentários:

  1. Muito bom. Glória a Deus!

    ResponderExcluir
  2. Lindo demais o agir de Deus,o propósito de Deus vai muito além de nossa imaginação
    Deus abençoe e os guarde

    ResponderExcluir
  3. Lindo demais o agir de Deus,o propósito de Deus vai muito além de nossa imaginação
    Deus abençoe e os guarde

    ResponderExcluir
  4. Esqueceram de perguntar o que ele diz sobre a mãe dele, está afastada da igreja, pq ele a descreveu como adúltera e sobre a invenção de ser filho de Michel Temmer.

    ResponderExcluir
  5. Esqueceram de perguntar o que ele diz sobre a mãe dele, está afastada da igreja, pq ele a descreveu como adúltera e sobre a invenção de ser filho de Michel Temmer.

    ResponderExcluir
  6. Esqueceram de perguntar o que ele diz sobre a mãe dele, está afastada da igreja, pq ele a descreveu como adúltera e sobre a invenção de ser filho de Michel Temmer.

    ResponderExcluir
  7. Eu duvido que os fatos relatados nos livros filho do fogo sejam verdade. Aonde estão as provas ?

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...